Oportunidade: Stanford abre bolsas para programa de empreendedorismo no Brasil

A universidade norte-americana de Stanford oferece quatro bolsas de estudos para a segunda edição do ‘Stanford Ignite’, programa de empreendedorismo e inovação a ser realizado em São Paulo entre 5 de agosto e 16 de outubro na sede da Microsoft. As bolsas cobrem 50% do valor do curso, de US$10.000.

Criado em 2006, no campus de Stanford, a iniciativa já atingiu cidades como Santiago (Chile), Nova York (EUA), Pequim (China) e Londres (Reino Unido). Na primeira edição brasileira, em 2015, formou 40 pesquisadores.

Com foco em estudantes matriculados em cursos de PhD, MD, pós-doutorado ou master e profissionais com experiência técnica, o curso busca pessoas sem relação com a área dos negócios.

Segundo o diretor acadêmico do ‘Stanford Ignite’ na América Latina Jonathan Levav, a busca é por  alunos com ideias inovadoras. “Procuramos pessoas que tenham uma ideia de negócio mas não tem a formação e base para botá-la em prática”, afirma.

O curso
Os alunos terão contato com noções de marketing, contabilidade, finanças, empreendedorismo, estratégia, entre outras, por meio de encontro presenciais com professores de Stanford que virão ao Brasil e aulas à distância com docentes da universidade. São cerca de 100 horas de aulas e até 150 horas dedicados aos projetos.

“Temos a instrução em sala de aula, em que os estudantes propõe ideias de negócios que se tornam projetos com planos de comercialização e o trabalho com mentores, pessoas de sucesso em grandes companhias, que os auxiliam”, diz o diretor.

Segundo Levav, um dos pilares do programa é a conexão com ex-alunos, que darão dicas e feedback para os novos.

Até 50 candidatos serão selecionados para a turma de 2016. O processo seletivo tem uma inscrição online, análise de currículo e entrevista presencial. As inscrições podem ser feitas no site do curso. (Com G1)

Comente no Facebook

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

Anúncios
1