Robôs já são capazes de gerar não apenas posts reais como também conseguem criar histórias falsas, mas que soam verdadeiras — ou seja, fake news.

O experimento foi apresentado por um instituto de pesquisa especializado em inteligência artificial, o OpenAI, de San Francisco, nos Estados Unidos. Um artigo do Technology Review conta um episódio interessante, em que um robô foi capaz de gerar esta notícia crível, mas falsa:


“A Rússia declarou guerra aos Estados Unidos depois que Donald Trump disparou acidentalmente um míssil. A Rússia disse que ‘identificou a trajetória do míssil e tomará as medidas necessárias para garantir a segurança da população russa e das forças nucleares estratégicas do país’. A Casa Branca disse estar ‘extremamente preocupada com a violação russa de um tratado que proíbe mísseis balísticos de alcance intermediário’. Os EUA e a Rússia têm um relacionamento apreensivo desde 2014, quando Moscou anexou a região da Crimeia à Ucrânia e apoiou os separatistas no leste daquele país.”

A matéria é toda falsa, mas conecta fatos reais. No passado, somente seres humanos seriam capazes de fazer essas conexões. Hoje, com a inteligência artificial disponível, robôs já podem desempenhar essa função.

Segundo a Vox, sistemas como o da OpenAI conseguem ler rapidamente até 8 milhões de artigos em diversos idiomas, de onde extraem as informações. A novidade agora é que os robôs não apenas reúnem essas informações num texto compreensível como também são capazes de interpretá-las e criar versões fantasiosas. É a inteligência artificial em ação.

Via Blog Dino