Tendências tecnológicas corporativas para 2021

0

O horizonte das empresas para 2021 é, em mesma medida, otimista e desafiador.

Embora a pandemia de COVID-19 siga testando os processos operacionais das companhias, ela também tem sido um catalisador para o desenvolvimento e a implantação de projetos de tecnologia.

Este recente aumento dos investimentos na área será essencial para ajudar as empresas a terem sucesso não apenas em 2021, mas também nos próximos anos.

Um fator crítico para os negócios este ano é possuir a capacidade de integrar novas soluções tecnológicas às já existentes, mantendo operações eficientes e lucratividade em alta, bem como otimizando fluxos de trabalho.

Dessa maneira, estarão preparados para dar conta de picos na cadeia de suprimentos e na demanda.

Em 2020, acompanhei de perto como empresas dos mais diversos setores usaram a tecnologia para resolver problemas, escapar da crise e se preparar para o mercado do futuro.

Quem esperou até 2021 para investir em novas soluções, deve estar atento às tendências abaixo:

Sistemas de varredura baseados em visão

Independentemente do setor, os avanços nas soluções de visão computacional e de varredura baseada em visão estão ajudando as empresas a trabalhar com maior eficiência.

A visão de máquina é um tipo de visão computacional que realiza análise e inspeções em busca de anomalias nas operações.

São tecnologias como sensores e processamento de imagens 3D em tempo real, que contribuem para solucionar desafios tão variados quando visibilidade de inventario e a necessidade de oferecer check-out e pagamento rápidos e simples no ponto de venda.

Ela consegue verificar de maneira detalhada a qualidade e a consistência do processo de produção, gravando dados para definir modelos futuros.

Em 2021, por meio da captura, processamento e interpretação de dados, essas soluções vão impulsionar a automação dos negócios, ajudando-os a resolver problemas urgentes com eficiência.

Automatização inteligente: IA e robótica

Do ponto de vista do consumidor final, a inteligência artificial (IA) se tornou comum por meio de assistentes pessoais como Alexa e Siri.

Porém, a tecnologia também é amplamente empregada por empresas com o objetivo de melhorar fluxos de trabalho, processos de entrega e a experiência do cliente como um todo.

O ano de 2021 deve ver um aumento da adoção da tecnologia.

Seja no celular pessoal ou na linha de produção, a IA tem capacidade de aprendizagem, o que significa que, com o tempo, consegue reconhecer vozes com mais precisão e também interpretar significado, contexto e preferências do usuário.

Quando algo inesperado acontece, a Inteligência Artificial pode recomendar a melhor ação corretiva, ativo especialmente importante quando grandes equipes de trabalho estão operando em ambientes dinâmicos, como acontece nas áreas de varejo, armazenamento, manufatura e saúde.

Designed by JoeZ / shutterstock
Designed by JoeZ / shutterstock

Da mesma forma, estamos vendo robôs sendo introduzidos aos fluxos de trabalho de variados setores.

Para 2021, mesclar mão de obra humana com robôs ou “cobots” (robôs colaborativos) será prioridade para um grande número de empresas.

RFID para cadeias de suprimentos eficientes

As compras online deram um grande salto em 2020 e o comércio eletrônico passou a responder por 28% das vendas no varejo global.

Isso significa que, em um ano, o setor acelerou o esperado para três, obrigando varejistas a se adaptarem rapidamente para otimizar suas lojas, centros de distribuição, armazéns e processos logísticos.

Em 2021, a automação do setor será apoiada por leitores e infraestruturas de identificação por radiofrequência (RFID), bem como por sensores inteligentes.

Além do varejo, outras áreas, como a da saúde, onde a rastreabilidade de medicamentos e vacinas é uma prioridade, também podem se beneficiar.

Não importa o tipo de operação, as soluções garantem melhor visibilidade de toda a cadeia de suprimentos do negócio, vantagem competitiva importantíssima nos dias de hoje.

Dados e Análise prescritiva

É fato que a necessidade de maior visibilidade e planejamento inteligente traz resultados e é cada vez mais crítica.

Adotar uma solução de análise prescritiva a base de dados em tempo real aumenta o rendimento da operação e permite a tomada de decisões que levam a ações mais embasadas.

Empresas que empregam análise prescritiva operam com base em dados históricos que, não apenas contribuem para uma análise da situação atual da operação ou para uma previsão de cenários futuros possíveis, mas também sugerem os próximos passos para a sua otimização.

Em 2021, empresas que buscam impulsionar ações e resultados em tempo real não devem deixar de investir nesse tipo de solução.

Globalmente, as empresas têm aumentado seus investimentos em automação inteligente e negócios brasileiros que desejam avançar não podem deixar a área de lado.

A tendência para 2021 é, mais do que tudo, atingir visibilidade operacional e eficiência, fatores que capacitam as empresas a enfrentarem qualquer desafio que venha pela frente. 

Por: Alessandro Matos, vice-presidente e gerente geral da Zebra Technologies na América Latina