Hoje vamos revelar os maiores motivos para o INSS negar um pedido de aposentadoria.

Se você não quer abrir mão do seu benefício continue conosco nessa leitura e evite esses erros.

Lembramos que nós vamos apontar aqui situações que vemos os segurados passarem todos os dias e caso você seja uma dessas pessoas, busque orientação profissional de um Advogado Previdenciário para poder te auxiliar a entrar com o seu benefício da forma correta.

1. Documentação incompleta

Entrar com um pedido de Aposentadoria exige a apresentação de muitos documentos e dependendo da modalidade mais documentos precisam ser apresentados.

Podemos citar dois exemplos muito comuns aqui, qual seja a aposentadoria especial e a aposentadoria rural.

Na aposentadoria rural é necessário comprovar a atividade rural o que torna necessário apresentar mais documentos quando comparamos a uma aposentadoria comum.

Já a aposentadoria especial exige a comprovação dos agentes insalubres e perigosos, portanto mais documentos são solicitados nesse caso, além dos documentos gerais.

Esses são apenas alguns exemplos de como a documentação varia para cada tipo de aposentadoria.

Muitas aposentadorias são negadas apenas pela falta de documentos.

Se você está com dúvida sobre a documentação, busque a orientação de um Advogado e faça o Planejamento Previdenciário.

2. Tempo de contribuição insuficiente

Esse é o caso em que o segurado entra com o pedido antes da hora.

Identificar a data correta de entrar com a solicitação pode ser uma tarefa difícil para muitos segurados, principalmente para os autônomos e pessoas que trabalharam em para o regime público e privado durante sua carreira.

Para apurar todo o período corretamente é necessário fazer o cálculo previdenciário.

É de grande importância do Planejamento Previdenciário, também, para esta etapa.

No planejamento além de indicar a documentação correta e fazer o cálculo, o Advogado analisa todas as atividades exercidas pelo segurado que possam ser contabilizadas como tempo de serviço, ajudando a alcançar de forma mais rápida a aposentadoria.

3. Erro na análise do benefício

Existem situações nas quais o INSS não reconhece o direito do segurado e nega a aposentadoria.

Muitas vezes o segurado desiste dos seus direitos e continua trabalhando sem necessidade.

Por isso, quando um benefício é negado, é importante que um advogado analise o procedimento e a decisão do INSS para que seja avaliado se aquela decisão realmente está correta, se há algo que você pode fazer para corrigir a situação e pedir uma reanálise ou se o INSS realmente negou o seu benefício indevidamente e será necessário buscar outros meios legais para garantir o seu direito.

Não abra mão dos seus direitos antes de conhecê-los, CLIQUE AQUI e solicite um atendimento com a equipe especialista em causas previdenciárias.

Este artigo foi redigido por Laura Fernandes, OAB/MG 172.171. via Aposentadoria do INSS

Dica extra: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social.

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana?

Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática: Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS