Trocar de contador: como fazer e o que levar em consideração

Quando a relação profissional fica desgastada é hora de mudar. Veja como fazer.

A relação entre o Contador e o Empresário é uma das mais antigas e importantes do mundo dos negócios. Afinal é o contador que cuida da maior parte das obrigações com o fisco e mantém a regularidade da empresa.

O contador tende a ser um grande parceiro do empresário, até por que muitas vezes é o profissional de gestão mais próximo do empreendedor. Porém, pode chegar um momento que o atual prestador não atenda todas as suas expectativas e você precise trocar o contador.

Na leitura a seguir, vamos explicar o seu direito de mudar de profissional, quando é hora de trocar, como fazer e como escolher um novo para gerir seus negócios. Acompanhe!

Quais as funções de um contador?

Além das obrigações legais, um profissional de contabilidade é fundamental para auxiliar em diversas atividades cotidianas da empresa, como:

  • Preencher e arquivar documentos legais necessários para a operação da empresa;
  • Garantir que o seu negócio esteja legal perante os órgãos públicos e em conformidade com a legislação tributária e fiscal;
  • Manter o registro da empresa atualizado;
  • Manusear a folha de pagamento para garantir que todos os funcionários recebam os salários corretamente.

Quando é hora de mudar de contador? 

O papel do contador é essencial dentro de um negócio. Por isso, quando o serviço de contabilidade não está atendendo ao que foi solicitado, alguns problemas podem ocorrer, como, por exemplo:

  • Não pagamento de impostos importantes;
  • Escolha de um regime que não é adequado ao negócio, acarretando pagamento de impostos além do necessário;
  • Declaração indevida dos bens da empresa;
  • Desorganização com os livros e documentos contábeis, atrapalhando o controle e o das informações;
  • Desatualização das mudanças na legislação.

Assim, todas essas atividades que não foram bem executadas podem trazer problemas legais para o seu negócio. Então essa é a hora de mudar.

Como deve ser feito o processo de troca de contador?

Todos os empreendedores no momento que contratam um escritório de contabilidade, assinam um contrato de prestação de serviço com direitos e deveres entre as partes.

No momento da contratação de uma nova empresa contábil, é preciso observar o prazo para rescisão do contrato, que normalmente é de 30 dias após o aviso de ambas as partes.

Após avisar o contador atual sobre a mudança, é preciso comunicar o novo profissional contábil que dará sequência na responsabilidade técnica da sua empresa.

A partir desse momento, o processo de transferência fica por conta do escritório de contabilidade que vai te atender. Todos os trâmites de transferência e documentação necessária, será solicitada o antigo contador dando um prazo para a prestação de conta.

Em resumo, o seu papel é apenas comunicar ao contador atual que mudará para uma nova empresa de contabilidade e cumprirá o prazo de rescisão. Comunicar também, que vai nomear esse novo contador para que faça toda a intermediação da transferência e finalização do contrato que você tem com o antigo contador.

Como escolher um novo contador?

Uma coisa importante que precisa ser observada na empresa contábil ou no profissional que vai contratar, é o conhecimento especializado que tem em seu segmento.

Ter um contador que conhece do seu negócio é muito importante para que o cliente possa usufruir de todo o suporte necessário na parte administrativa, financeira e empresarial. 

Um erro que precisa ser evitado, é contratar um profissional apenas pelo preço da prestação de serviço, afinal este profissional tem um papel fundamental na organização empresarial de qualquer empresa. Portanto, o barato pode sair muito caro. Em suma, atente para essas características:

  • Se o escritório é registrado no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) da região;
  • Recomendações de outros clientes;
  • Quais serviços são oferecidos;
  • Avaliação do atendimento ao cliente;
  • Capacidade de oferecer um serviço personalizado para o tamanho da sua empresa;
  • Uso de tecnologia para agilizar as operações contábeis, entre outros.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Comentários estão fechados.