Últimos pagamentos do saque extraordinário do FGTS são liberados

Consulte os últimos pagamentos do saque extraordinário do FGTS no valor de até R$ 1 mil aos trabalhadores

A Caixa Econômica Federal libera os últimos pagamentos do saque extraordinário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) aos trabalhadores.

A liberação do saque extraordinário do FGTS está sendo feita em um calendário definido conforme o mês de aniversário dos trabalhadores.

Nesse sentido, os nascidos de janeiro a julho já estão com o dinheiro disponível para resgate, assim, os próximos pagamentos serão relativos aos nascidos entre agosto e dezembro.

Vale lembrar que independente do mês de aniversário, todos os trabalhadores terão até dezembro de 2022 para movimentar o dinheiro liberado.

Os trabalhadores que optarem por não utilizar o dinheiro terão o saldo devolvido nas contas do FGTS normalmente, e o dinheiro ainda passará por uma pequena correção monetária.

Próximos pagamentos do saque extraordinário

Conforme dito anteriormente, os nascidos de janeiro a julho já estão com o saldo liberado para resgate, nesse sentido resta a liberação do pagamento para os seguintes grupos:

  • Nascidos em agosto: recebem dia 25 de maio
  • Nascidos em setembro: recebem dia 28 de maio
  • Nascidos em outubro: recebem dia 1º de junho
  • Nascidos em novembro: recebem dia 8 de junho
  • Nascidos em dezembro: recebem dia 15 de junho

Como consultar o valor que vou receber

É importante lembrar que o valor que cada trabalhador receberá depende de quanto cada um possui nas contas ativas e inativas do FGTS.

Contudo, o saque para todos os trabalhadores estarão limitados a um total de R$ 1 mil, mesmo que o trabalhador tenha saldo muito maior nas contas.

A melhor maneira de consultar o saldo do FGTS é por meio do aplicativo do FGTS disponível para celulares Android e iOS. Isso porque, pelo app é possível:

  • consultar o valor a ser creditado;
  • consultar a data de crédito na Conta Poupança Social Digital;
  • informar que não quer receber o crédito do valor;
  • solicitar o retorno do valor creditado para a conta FGTS;
  • alteração cadastral para criação de Conta Poupança Social Digital.

Comentários estão fechados.