Valores a receber, BC confirma nova fase com mais 7 tipos de dinheiro esquecido

A nova fase será disponibilizada para milhões de pessoas, inclusive aquelas que não tiveram saldo pra receber na primeira etapa

O Banco Central anunciou uma nova fase de verificação de dinheiro esquecido em bancos, com sete novos tipos de categorias para serem analisadas.

Vale lembrar que ao total R$ 8 bilhões vão ser devolvidos às pessoas, onde na primeira e atual etapa R$ 4 bilhões vão ser devolvidos a 26 milhões de pessoas físicas e 2 milhões de pessoas jurídicas.

Primeira fase da devolução de dinheiro esquecido

Nessa primeira fase estão sendo devolvidos valores aos brasileiros pelos seguintes motivos:

  • Contas encerradas em bancos com saldo disponível (tanto conta corrente quanto conta poupança)
  • Tarifas pagas pelos brasileiros que foram cobradas indevidamente;
  • Parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente;
  • Cotas de capital e rateio de sobras líquidas de beneficiários de cooperativas de crédito;
  • E recursos não sacados pelos brasileiros de grupos de consórcio que já se encerraram encerrados.

Para realizar a consulta dos valores é simples, confira:

  • Acesse a plataforma: valoresareceber.bcb.gov.br;
  • Em caso de pessoa física informe seu CPF e data de nascimento;
  • Em caso de pessoa jurídica informe seu CNPJ e data de abertura da empresa.

Pronto, se na consulta aparecer a informação “Não há registros na base de valores a receber”, é porque ao menos nessa primeira fase você não tem dinheiro para receber, mas pode ser que tenha na segunda.

Já quem tem dinheiro a receber terá uma mensagem exibida na tela pedindo para que você retorne no dia informado para conferir quais são os valores e solicitar o depósito que será feito via Pix.

Caso tenha valores a receber, no momento da consulta você receberá data e período para solicitar o resgate do saldo existente. As datas serão agendadas de acordo com o ano de nascimento da pessoa ou da criação da empresa, conforme calendário abaixo.

Data de nascimento (pessoa) ou de criação (empresa)Período de agendamento (consulta e resgate)Data de repescagem (para quem perder a data agendada)
Antes de 19687 a 11/312/3
Entre 1968 e 198314 a 18/319/3
Após 198321 a 25/326/3

Não deixe de voltar ao site valoresareceber.bcb.gov.br na data e período informados. Se não comparecer nessa data e período, você terá que voltar no sábado da repescagem, de acordo com o calendário acima. A repescagem vai funcionar durante todo o dia, das 4h às 24h.

Se você também perder seu sábado de repescagem, poderá solicitar o resgate do saldo existente a partir de 28/03/2022.

Segunda fase da devolução de dinheiro esquecido

A segunda fase da devolução de dinheiro vai acontecer assim que encerrado o período de pagamentos dessa primeira rodada.

É importante lembrar que quem não possui direito a valores nessa primeira rodada pode ter direito na segunda. Assim como quem também teve direito na primeira rodada pode ter na segunda.

Confira as sete situações em que os brasileiros podem ter valores a receber na segunda fase:

  1. Tarifas cobradas indevidamente, previstas ou não em Termo de Compromisso com o BC;;
  2. Parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, também não previstas;
  3. Contas de pagamento pré-paga e pós-paga encerradas com saldo disponível;
  4. contas de registro mantidas por corretoras e distribuidoras de títulos e valores mobiliários encerradas com saldo;
  5. Entidades em liquidação extrajudicial;
  6. FGC (Fundo Garantidor de Créditos);
  7. FGCoop (Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito).

Fique atento! No caso dos dois últimos itens da lista, ambos são voltados para determinados investimentos e funcionam como um seguro caso o banco ou cooperativa de crédito venha a quebrar.

Comentários estão fechados.