Veja como o RH pode contribuir para a diversidade da empresa

Uma pesquisa revelou que empresas com diversidade étnica e racial têm 35% a mais de chances de ter rendimentos acima da média no seu setor.

Melhores resultados, inovação e estímulo à criatividade organizacional são algumas das vantagens para empresas que possuem equipes diversas. A diversidade é essencial para o desenvolvimento da consciência cultural e social dos colaboradores e promove a aceitação e respeito pelas diferenças de cada indivíduo. 

Uma pesquisa da empresa McKinsey & Company, revelou que empresas com diversidade étnica e racial têm 35% a mais de chances de ter rendimentos acima da média no seu setor.

Vale ressaltar que essas diferenças se referem à aspectos físicos, culturais, biológicos, sociais, econômicos, ideológicos e muitos outros.

Sabendo que o RH tem como uma de suas funções a elaboração dos processos seletivos e a contratação de novos colaboradores é fundamental que esse setor compreenda e entenda o seu papel para contribuir com a pluralidade da companhia. Por isso, ele deve estar atento ao tema e às maneiras de como incluí-los na sua atuação.

O processo se inicia com o RH se certificando que os valores estejam de acordo com a cultura da empresa conforme três definições: diversidade: todas as características – sejam físicas, culturais ou sociais – que diferencia as pessoas entre si; inclusão: ações que estimulam o acolhimento, a aceitação e o respeito de todas as pessoas, independentemente de suas diversificações e equidade: oportunidades e direitos iguais para todas as pessoas.

Há muitas formas para o setor de RH fazer isso nas empresas. O primeiro passo é se atentar ao recrutamento de novos colaboradores.

É importante, por exemplo, que o anúncio da posição seja feito em diferentes meios de comunicação, para garantir uma diversidade maior de candidatos.

Além disso, é preciso que os líderes e a gestão estejam preparados para lidar com o tema e reforçá-lo com os seus colaboradores.

Outro tópico de atenção é o treinamento e desenvolvimento dos times. Eles, assim como os gestores e líderes de equipe, passam por treinamentos que pautam preconceitos inconscientes, micro agressões no ambiente de trabalho e assédio, diversidade, inclusão e equidade?

Não se pode esquecer também da representatividade interna, ela é essencial para ter novos caminhos de atuação e também para que os grupos sociais minoritários se sintam bem no ambiente de trabalho. Por isso, é interessante questionar: os seus colaboradores se sentem incluídos, são tratados com igualdade e possuem oportunidades iguais ao restante de seus colegas de trabalho?

Sendo assim, o papel do RH na diversidade da empresa é torná-lo parte da cultura do negócio. Já os líderes têm a missão de reforçar essa cultura com a equipe. Por isso, o ideal é que a companhia como um todo trabalhe para combater preconceitos e vieses que os seus colaboradores possam ter.

Nesse sentido, o ideal é que a instituição promova treinamentos de diversidade e inclusão para que seja reforçado a importância de aceitar e respeitar todas as pessoas. 

Por: Isadora Brito, Coordenadora de Marketing na Niduu, aplicativo que usa os elementos de games e microlições para desenvolver colaboradores

Dica Extra do Jornal Contábil: Você gostaria de trabalhar com o Departamento Pessoal?

Já percebeu as oportunidades que essa área proporciona?

Conheça o programa completo que ensina todas as etapas do DP, desde entender os Conceitos, Regras, Normas e Leis que regem a área, até as rotinas e procedimentos como Admissão, Demissão, eSocial, FGTS, Férias, 13o Salário e tudo mais que você precisa dominar para atuar na área.

Se você pretende trabalhar com Departamento Pessoal, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um profissional qualificado.

Comentários estão fechados.