Veja o que fazer se você foi um dos mais de 869 mil contribuintes que caíram na malha fina do IR 2021

A Receita Federal divulgou os dados de quantos contribuintes caíram na malha fina esse ano, se você também caiu, veja o que fazer

De acordo com dados divulgados pela Receita Federal nesta quinta-feira, 30 de setembro, 869.302 contribuintes caíram na malha fina do Imposto de Renda (IR) 2021. Os 869.302 contribuintes representam 2,4% do total de declarações deste ano que chegou a um total de 36.868.780.

De acordo com a Receita os principais motivos que levaram os contribuintes à malha fina foram a omissão de rendimentos sujeitos ao ajuste anual, bem como a inconsistência nas deduções da base de cálculo.

Caí na malha fina e agora?

Caso você seja um dos mais de 869 mil contribuintes que caíram na malha fina este ano, o recomendado é regularizar a situação o mais rápido possível. Isso porque, além de reter a restituição do Imposto de Renda, o contribuinte que cai na malha fina corre o risco de:

  • Pagar uma multa de 75% sobre o imposto devido.
  • Ter o nome no Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados de Órgãos e Entidades Estaduais (Cadin). O nome é grande mas, de forma resumida, ele registra as pessoas que devem para órgãos e entidades federais.
  • Ter o CPF em situação irregular, o que dificulta na hora de abrir contas bancárias, pedir empréstimos ou até mesmo financiar um veículo.

Como regularizar a situação

Para verificar se o contribuinte caiu na malha fina, será necessário verificar a situação por meio da página da Receita Federal ou pelo aplicativo do Imposto de Renda.

Caso seja constatado que o contribuinte caiu de fato na malha fina, será necessário avaliar alguns pontos como as possíveis pendências na declaração, para posteriormente retificar a sua declaração.

Confira o passo a passo do que fazer:

  • Acesse o site da Receita Federal no ambiente virtual E-CAC;
  • Na maioria das vezes é possível resolver a situação ao realizar uma retificação da declaração, seja pelo celular ou computador, bastando ir nos campos “Meu Imposto de Renda”, depois em “Declaração” e, por fim, “Processamento”;
  • Clique na opção “Preencher a declaração online”, escolha o ano que vai ser alterado e finalize tudo em “Retificar declaração”.
  • Pronto! Agora é aguardar a Receita analisar sua retificação e responder em breve.

Atenção! Em situações mais graves o contribuinte deverá comparecer à Receita Federal mais próxima afim de explicar o que ocorreu de fato. Caso seja necessário, não esquema de levar a documentação e comprovação de tudo o que foi declarado.

Comentários estão fechados.