Veja quais foram os principais impactos da pandemia no setor da saúde

0

É certo dizer que a pandemia do coronavírus pegou todos os setores de negócio de surpresa, causando alvoroço e até mesmo desespero, mas nenhum outro foi tão impactado quanto o da saúde.

Uma série de protocolos precisaram ser instaurados para manter médicos e toda a equipe em segurança, além é claro de evidenciar questões relacionadas a gestão desses ambientes.  

Vale lembrar também que tudo depende da preparação para os riscos nesse setor.

Até mesmo hospitais que possuem uma boa gestão, e margem de segurança, precisaram se reinventar por conta da COVID-19, então o principal fator para o sucesso desses negócios é uma readequação veloz e eficiente para a situação de pandemia. 

Mas quando se trata de gestão, é importante destacar que existem diversos setores dentro de uma empresa e todos precisam ser avaliados individualmente.

Há duas ferramentas que ajudam nessa tarefa, e que são ideais para analisar os riscos em todos os departamentos, sendo elas a análise SWOT, método que permite analisar um ambiente e apontar fraquezas e qualidades, e o PDCA, técnica que ajuda a identificar um problema e sugerir como deve ser solucionado.

Aqueles que não possuem esse material bem desenhado, tem o costume de apagar incêndios ao invés de trabalhar com o cálculo de riscos e gestão de crises.

Por conta do distanciamento social, algumas soluções foram essenciais para preservar o atendimento médico o que geraram lições importantes para os profissionais da saúde.

Isso porque com a quarentena, o atendimento via internet se tornou cada vez mais comum e necessário.

Além disso, os pacientes também costumam gostar dessa modalidade de consulta, uma vez que é prática no dia a dia e evita o risco de contaminação pela doença. 

A internet se tornou um meio de comunicação fundamental durante a pandemia para os médicos e até mesmo para dentistas.

Mas quando falo sobre a simplicidade que a facilidade oferece, não se trata apenas da teleconsulta, mas também da agilidade para o agendamento e confirmação de consultas, e exames, e até mesmo um gerenciador financeiro que melhore a vida do paciente. 

Ainda assim, existe grande interesse do setor de levar os clientes de volta aos consultórios e para isso é essencial se apoiar no marketing do negócio.

Isso significa colocar em prática um planejamento extenso e direcionado para pacientes que já estão cadastrados nas clínicas e clientes em potencial, com o uso de marketing digital, gestão de consultas, um bom site institucional e contato constante. 

A nossa equipe ressalta sempre sobre a importância de reforçar o contato com o paciente, mas de forma eficaz, seja por telefone, WhatsApp ou até uma cartinha, para que ele volte a realizar agendamentos e retome o atendimento.

Quanto mais pessoal melhor, porque assim se entende qual a real necessidade do cliente e evidenciamos a importância do seu retorno para completar o tratamento.

Por Dr. Éber Feltrim, Especialista em gestão de negócios para a área da saúde começou a sua carreira em Assis.

Sobre a SIS Consultoria 

A SIS Consultoria pertence ao grupo SIS, com sede na cidade de Assis/SP.