Vendas online: Muitos negócios precisaram se adaptar

0

A falta de perspectivas em relação ao fim da pandemia é o cenário que as empresas enfrentam neste momento. E mesmo com o avanço dos estudos relacionados à imunização, ainda devemos enfrentar longos meses até a volta da normalidade.

Por isso neste momento, quando muitas empresas tradicionalmente se preparavam para a realização de suas convenções anuais de vendas, surge a dúvida: como engajar as equipes sem a realização de um evento presencial?

Com a devida organização, o modelo online pode ser assertivo e muito produtivo no que diz respeito ao engajamento dos times comerciais.

Uma convenção com diferenciais de cronograma, interação e preparo pode trazer uma experiência positiva e gerar tanto para empresas quanto para profissionais, momentos estratégicos de fortalecimento da parceria.

Entre os cuidados para uma convenção de vendas online assertiva, acredito que a efetivação de um cronograma com antecedência é um dos principais.

É neste momento de organização que a empresa pode definir, por exemplo, o tempo que será destinado a cada ação e, inclusive, preparar boa parte do conteúdo, em formato gravado.

É fundamental manter momentos ao vivo para a interação entre empresa e participantes, especialmente porque neste processo o engajamento e a resolução de dúvidas devem ser os principais objetivos.

Muitas convenções e eventos corporativos digitais fracassam justamente porque praticamente todo o projeto acontece ao vivo, resultando em erros de conexão, falta de controle de tempo e a consequente perda de interesse dos profissionais.

O tempo, aliás, é um aliado ou vilão, a depender de como é gerido pela empresa. É um aliado quando a companhia aproveita o período anterior à convenção para preparar e enviar materiais que permitam ao profissional ter uma experiência sensorial no projeto. Amostra de produtos, camisetas personalizadas, brindes e até bebidas para o happy podem estar incluídos na ação.

E o tempo também se torna um vilão quando tratado da mesma forma que é utilizado em convenções presenciais. É primordial entender que o grau de atenção é muito menor no ambiente digital e projetos compactos tendem a ser bem-sucedidos.

Por fim, uma convenção online será assertiva quando os próprios colaboradores estiverem engajados com o projeto. Entenda que este é um momento de trabalho e trate-o como tal.

Estar no escritório, mesmo que seja na própria casa, atentar-se ao dress code e agir com bom senso são características que precisam fazer parte da postura do colaborador.  

De todo modo, realizar uma convenção, mesmo em um formato que não seja o tradicional, é ainda assim mais indicado do que apenas cancelar o projeto.

Deixar por um ano ou um semestre a sua equipe comercial à deriva, na esperança de que em breve o evento presencial seja realizado, pode acarretar danos duradouros ou irreversíveis ao negócio – e isso, definitivamente, não está no planejamento de nenhuma empresa.

Por Roberto Vilela é especialista nas áreas de gestão e estratégias comerciais