Na sociedade atual muito se fala em como ser um profissional de sucesso, diversos cursos são vendidos com essa premissa, workshops são feitos e palestras assistidas, mas antes disso, você precisa conhecer e desenvolver as suas habilidades, os seus pontos fortes.

Em muitas situações, o que falta não é o desenvolvimento de uma habilidade, mas sim a valorização e exposição adequada das habilidades que você já possui.

Ao elencar algumas das habilidades mais requisitadas pelo mercado (Comunicação, Trabalho em Equipe, Liderança, Relacionamento Interpessoal, Flexibilidade, Gestão de conflitos, Ética, Criatividade e etc), Claudia Deris, gestora de carreira, afirma que “muitos pessoas possuem essas habilidades desenvolvidas e que a dificuldade está em comunica-las da maneira adequada no âmbito profissional, está tudo interligado. Quando o profissional se acostuma com suas habilidades, ele não as valoriza, e assim, não as destaca.”

crédito

Em vista disso, “Olhe em qual contexto o seu ambiente de trabalho está inserido, verifique qual é a cultura da empresa (ou dos clientes que você possui) e exponha suas habilidades dentro deste cenário, utilizando uma comunicação que eles entendam. Imagine você falando em português para uma pessoa que só fala em japonês, não funciona certo?”, expõe a gestora.

Por isso, a pessoa deve pensar muito sobre a forma como comunica e expõe as suas habilidades, pois estes são fatores determinantes para um crescimento profissional sustentável e consistente.

Quando você consegue identificar as suas habilidades, fica infinitamente mais fácil usá-las a em prol do seu crescimento e isto vale em todos os âmbitos profissionais: elaboração de currículo, entrevista de emprego, desempenho de atividades no ambiente de trabalho, entre outros. “O currículo, por exemplo, é um documento que deve conter em destaque todas essas ‘skills’, e quando elaborado com maestria, oferece ao profissional um passo a mais em direção ao seu sucesso profissional”, finaliza Claudia.

Por Claudia Deris Gestora de Carreira