Carteira de Trabalho Digital: Como usar todos os serviços do aplicativo

0

A Carteira de Trabalho Digital é uma nova plataforma para o trabalhador ter acesso aos dados de seu histórico trabalhista. Você que está trabalhando e sente dificuldade para ter acesso a informações sobre o PIS/PASEP ou demais benefícios por causa da burocracia, fique ligado.

O aplicativo da Carteira de Trabalho Digital facilita bastante na hora em que você precisa checar seus dados de seu contrato em tempo real, sem precisar sair de casa.

Como usar o aplicativo

O Governo Federal elaborou o app da carteira de trabalho digital para dar mais dinâmica aos serviços burocráticos relacionados a jornada de trabalho. O aplicativo está disponível para Android e iOS.

Nele o cidadão poderá verificar todas as informações que estão registradas em sua carteira de trabalho, tendo também acesso a dados de pagamento de seus benefícios trabalhistas e etc.

Você pode fazer a conexão com a Carteira de Trabalho Digital a qualquer hora e em qualquer momento do dia, precisando apenas informar os seus dados de identificação pessoal.

Como acessar a Carteira de Trabalho Digital?

Para acessar a plataforma você deverá instala-la no seu celular. A Carteira de Trabalho Digitlal poder encontrada em lojas de aplicativos do seu Smartphone:

Digite ‘Carteira de Trabalho Digital’. Depois clique na primeira opção disponível e baixe.
Depois do aplicativo instalado, cadastre seu perfil, informando o número do seu CPF para poder registrar uma senha de login.

Depois o app vai enviar um aviso informando sobre a necessidade de confirmar os dados de sua Carteira de Trabalho e Previdência Social. Selecionar a opção ‘continuar’ e preencha as informações como CPF, data de nascimento, nome, e-mail, celular e nome do país.

Depois você deverá validar o registro. Nesse processo você responderá 5 perguntas para confirmar sua identidade. Sendo feito isso, será gerada uma senha provisória, onde você pode alterar na sequência para dígitos de sua preferência.

Em seguida há a leitura do QR Code, que servirá para comprovar a autenticidade das suas informações.

Nessa etapa final será preciso ainda acessar a política de privacidade, ver perguntas frequentes, solicitar segunda via da sua carteira de trabalho ou sair do aplicativo.

Dá para solicitar o seguro desemprego pela ferramenta?

Sim, será possível a solicitação do seguro-desemprego pelo aplicativo. Nesse caso, será necessário que já tenha acontecido a baixa da carteira registrada do trabalhador. Basta acessar a Carteira de Trabalho Digital e selecionar a opção do seguro.

Ao confirmar o interesse o usuário precisa ainda conferir se ele se enquadra em todas as regras de concessão do pagamento. Ele terá acesso também aos valores das parcelas que lhe serão fornecidas e por quanto tempo irá durar o benefício.

Mas, quem não estiver dentro das normas que o pagamento, é preciso revisar os dados da Carteira de trabalho e detalhamentos de contrato para corrigir os possíveis erros. O seguro-desemprego só está disponível para quem é demitido sem justa causa.

Sendo necessário ter um tempo de trabalho mínimo e o valor final do benefício varia de acordo com a média dos últimos salários fornecidos.

Será levado em consideração na hora do cálculo, quantas vezes o seguro foi solicitado e o intervalo de tempo entre esses pedidos.

seguro desemprego

A tabela abaixo mostra como é feito o cálculo, tendo como base a média dos últimos três salários registrados.

Faixas de Salário MédioValor da Parcela
Até R$ 1.599,61Multiplica-se salário médio por 0.8 (80%)
De R$ 1.599,62 até R$ 2.666,29O que exceder a R$ 1.599,61 multiplicar por 0,5 (50%) e somar a R$ 1.279,69
Acima de R$ 2.666,29O valor da parcela será de R$ 1.813,03
Fonte Caixa

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil