Carteira de Trabalho pode ser acessada pelo CPF

O trabalhador para acessar a Carteira de Trabalho Digital precisa, primeiro, baixar o aplicativo

A Carteira de Trabalho Digital existe desde 2017, mas ainda não substituia o documento físico. No entanto, a CTPS em meio físico não é mais necessária desde 24 de setembro de 2019, para a contratação na grande maioria dos casos. Agora, o trabalhador só precisa informar o número do seu CPF no momento da contratação. Para o empregador, as informações prestadas no eSocial substituem as anotações antes realizadas no documento físico, conforme Portaria/MTE Nº 671, de 8 de novembro de 2021.

O trabalhador para acessar a Carteira de Trabalho Digital precisa, primeiro, baixar o aplicativo (disponivel para Android e iOS).  Para entrar, digite o número do seu CPF.

Passo a passo

Primeiro abra o aplicativo da Carteira de Trabalho Digital;

Clicar em “Entrar”;

Neste momento, você vai informar o número do seu CPF e depois clicar em “Continuar”;

O próximo passo será digitar a senha do gov.br (se naõ tiver, será necessário criar uma conta). O registro é gratuito. Você precisará fornecer dados pessoais.

Após informar a senha, clique em “Entrar”. Neste momento o aplicativo abrirá na página inicial, com todas as ferramentas disponíveis.

Se você já tinha a CTPS em formato físico, deve guardá-la. Ela continua sendo um documento para comprovar seu tempo de trabalho anterior. Mesmo com a Carteira de Trabalho Digital podendo mostrar contratos de trabalho antigos (dos anos oitenta, por exemplo), é importante nesses casos conservar o documento original.

A mudança aconteceu na forma de anotações como férias, salário e etc. que serão feitas apenas eletronicamente. Dessa forma, será mais fácil o trablhador acompanhar de qualquer lugar que tiver, as alterçaões que forem realizadas no documento, pelo aplicativo ou pela internet.

A Carteira de Trabalho Digital possui as seguintes ferramentas:

Contratos

Nessa parte é possível verificar os detalhes sobre os contratos passados e o atual. Também é possivels ver os valores de salários já recebidos, férias tiradas, demissões, períodos trabalhados e outros detalhes.

Enviar

Na parte de “Enviar” é possível gerar um documento que prove que já trabalhou para alguma instituição ou que está trabalhando atualmente. Será gerado um relatório que será considerado oficial em PDF.

Benefícios

Você terá ascesso e informações sobre abono salarial PIS/Pasep;

BEm (Benefício Emergencial);

Seguro-desemprego.

Também você poderá conhecer e ler a política de privacidade do app na opção “Mais”. Também poderá ver perguntas frequentes (já com as respostas.

Também poderá ligar para o Alô Trabalho pelo número 158. 

Vai poder avaliar o aplicativo ou sair da ferramenta.

Comentários estão fechados.