Como trabalhar o crescimento da empresa e quais os desafios superar?

Se você está em busca de dicas sobre como desenvolver o crescimento da sua empresa de forma organizada, mesmo diante de cenários de incertezas, continue a leitura!

Compartilhe
PUBLICIDADE

Impulsionar o crescimento da empresa de maneira sustentável no médio/longo prazo faz parte do plano estratégico de muitos negócios, mas é preciso fazer do jeito certo. 

Afinal, crescer a qualquer custo pode acarretar problemas difíceis de resolver e resultar na morte prematura de um empreendimento promissor.

Se você está em busca de dicas sobre como desenvolver o crescimento da sua empresa de forma organizada, mesmo diante de cenários de incertezas, continue a leitura.

Como promover o crescimento da empresa?

Há diversas estratégias de crescimento da empresa aplicáveis e diferentes tipos de negócio que podem ser mais ou menos eficazes, dependendo de como são implementadas.

De maneira geral, a expansão de qualquer negócio demanda investimentos que podem ser feitos basicamente das seguintes maneiras:

  1. Investimento “orgânico”, alimentado pelos lucros da própria empresa ou por novos aportes dos sócios
  2. Investimento alavancado, proporcionado pelo capital de terceiros (crédito bancário, emissão de títulos de dívidas, etc).

Independentemente da fonte, vale lembrar que o recurso financeiro é apenas uma parte do processo.

O crescimento efetivo da empresa vai depender de como o capital será alocado.

Nesse aspecto, confira algumas dicas:

Crie um diferencial frente aos concorrentes

A primeira estratégia de crescimento empresarial é criar uma proposta de valor único que diferencie seu negócio.

Pode ser a descoberta de um nicho de mercado ou a inovação em um mercado aparentemente saturado.

Estude seus concorrentes, descubra suas fragilidades e use isso a seu favor.

Pode ser que você encontre ótimas oportunidades de crescimento.

Foque no cliente, não no produto

Steve Blank, investidor e empreendedor do Vale do Silício, ficava intrigado com o alto índice de mortalidade de startups aparentemente promissoras.

Ao se aprofundar nas pesquisas, descobriu que muitos empreendedores se preocupavam mais com o produto do que o cliente.

Mesmo que você não pertença ao ecossistema startup, a dica é válida se sua intenção for crescer de forma consistente e sustentável: foque no cliente.

Consolide sua marca

Invista também em estratégias de marketing, inclusive no ambiente digital, de forma a consolidar sua marca perante o público-alvo. 

Com as diversas ferramentas de análise de dados que permitem mensurar os resultados das campanhas de divulgação, você tem o que precisa para ser muito mais assertivo.

Invista em inovação e tecnologia

Independentemente do setor, o crescimento da empresa vai depender, em grande parte, de inovação e tecnologia.

A implementação de novas técnicas e ferramentas pode ser feita em diferentes níveis e aspectos, tanto para o cliente quanto nas rotinas internas, desde a criação de um aplicativo até um sistema avançado de gerenciamento de estoque.

Tenha uma contabilidade parceira

Outra dica para promover o crescimento da empresa é contar com a parceria de uma contabilidade online nos processos contábeis, financeiros, trabalhistas e previdenciários

Na medida em que o negócio cresce, pode ser necessário refazer o planejamento tributário, reforçar a equipe ou estabelecer novos mecanismos de gestão e controle. 

Na Contabilix, por exemplo, você conta com pacotes de serviços diferenciados que acompanham toda a trajetória de crescimento da sua empresa.

Quais os desafios encontrados com o crescimento da empresa?

As empresas em fase de crescimento também enfrentam desafios que precisam ser contemplados pelo planejamento estratégico.

Os principais são:

Necessidade de capital

Um dos principais desafios do crescimento de toda empresa é a necessidade de capital financeiro.

Você pode investir os recursos próprios da empresa, com as reservas de lucro acumuladas, ou captar dinheiro no mercado.

Em ambas situações, precisará fazer uma análise de viabilidade do investimento. 

Caso sua intenção seja usar capital de terceiros, o retorno estimado deve ser suficiente para pagar os custos do capital com sobra.

Caso invista capital próprio, deverá levar em consideração o custo de oportunidade (quanto teria de retorno em outro investimento de menor risco).

Seleção e retenção de talentos

Para promover o crescimento da empresa, você certamente precisará de mais pessoas, mesmo que sua empresa atue majoritariamente no ambiente virtual.

Selecionar e reter bons profissionais é um dos grandes desafios para um negócio em franco crescimento, sobretudo se as vagas exigirem qualificação técnica.

O Brasil vive um verdadeiro apagão de mão de obra e as empresas com planos de crescimento ainda lidam com a concorrência de outros países.

Além de encontrar bons profissionais, é preciso criar também estratégias para retê-los de forma a evitar o turnover, fenômeno que pode comprometer metas e prazos.

Impactos na cultura organizacional

À medida que a empresa cresce, novos processos são incorporados ao dia a dia, o que impacta a cultura organizacional como um todo.

Se o gestor não se atentar a isso, interferências indesejadas podem contaminar o ambiente de trabalho.

Vale destacar que as boas práticas de governança, endomarketing e o papel ativo do líder são fundamentais para manter um clima agradável de se trabalhar.

Concorrência (on e offline)

A concorrência faz parte de uma economia de livre mercado e não deve impedir você de investir no crescimento do seu negócio.

Mas é preciso atenção ao surgimento de novos players, tanto no ambiente físico quanto virtual, considerando possíveis impactos no seu faturamento e lucratividade.

Crescer em um mercado concorrido exige iniciativas empreendedoras que incluem inovação, diferencial competitivo, precificação adequada e foco no cliente.

A empresa cresceu? Saiba como migrar de MEI para ME

Se você começou como MEI, mas seu negócio cresceu e precisa migrar para ME (Microempresa), não se preocupe.

Para fazer a transição, você deve cumprir os seguintes passos:

Passo 1: comunicar o desenquadramento 

O primeiro passo é comunicar o desenquadramento do SIMEI (Sistema de Recolhimento em Valores Fixos Mensais dos Tributos abrangidos pelo Simples Nacional).

Você pode fazer isso de duas maneiras:

  1. Por meio do portal do Simples Nacional, na aba “SIMEI Serviços
  2. Por meio do portal e-Cac da Receita Federal.

Passo 2: informar a mudança na Junta Comercial

O passo seguinte é informar a mudança na Junta Comercial do seu estado para fins de atualização cadastral.

Nessa etapa, serão necessários os seguintes documentos:

  • Comunicação de desenquadramento do SIMEI 
  • Contrato social ou documento equivalente da ME.

Os procedimentos podem variar conforme o estado, portanto, consulte a Junta Comercial na sua região para obter informações mais precisas

Passo 3: atualizar os dados na prefeitura

Na fase seguinte, atualize as informações cadastrais na prefeitura, de modo que sua empresa possa operar em conformidade com as normas municipais, estaduais e federais

As prefeituras também têm procedimentos diferentes para atualização cadastral, algumas com menos, outras com mais burocracia. 

Mas isso é algo com que você não precisa mais se preocupar.

Na Contabilix, além de transformar seu MEI em ME gratuitamente e 100% pela internet, oferecemos pacotes completos de serviços para você gerir sua empresa com muito mais tranquilidade.

Qualquer dúvida, fale com a gente!

Por Jean Bitar, Fundador e CEO da Contabilix, empresário no mercado de Tecnologia desde muito cedo, formado em Ciência da Computação e Ciências Contábeis, com MBA em Auditoria e Perícia Contábil.

Original de Contabilix

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação

Jornal Contábil