Conheça indicadores de rentabilidade para usar no seu negócio!

Compartilhe
PUBLICIDADE

Indicadores de rentabilidade: Do que se trata 

No conteúdo de hoje o blog da Finube fala a respeito dos indicadores de rentabilidade. Por isso, na gestão de empresas, indicadores essenciais para controlar diversas atividades realizadas no estabelecimento, tornando-se um tópico crucial

A coleta, armazenamento e análise de dados, tais como o registro de clientes e a quantidade de material para produção em estoque são apenas dois exemplos de dados que podem ser aproveitados para a concepção de diferentes indicadores.

Em se tratando de indicadores de rentabilidade, pode-se dizer que estes se relacionam com todo o desempenho da empresa, uma vez que as análises buscam comprovar que esta é rentável, ou seja, que produz lucro condizente com o que foi investido, e tem autonomia financeira para continuar desenvolvendo suas atividades.

Leia também: Indicadores De RH: Saiba Definir Os Melhores Para O Seu Negócio!

Indicadores de rentabilidade: quais usar

Como dito, os indicadores de rentabilidade se referem à análise de viabilidade da empresa no que diz respeito à comparação entre investimentos realizados e lucro obtido.

Portanto, há diferentes estratégias adotadas nesse processo, onde se destacam três, descritas a seguir.

A primeira estratégia de análise se refere ao Retorno sobre o Patrimônio Líquido, também conhecido pela sigla em inglês ROE. 

Esse mecanismo permite confirmar o retorno do investimento dos sócios, ou seja, o capital social, no empreendimento.

O segundo indicador é o Retorno Sobre o Investimento (ROI). Desse modo, essa métrica ajuda a determinar qual foi o lucro obtido com a execução de um projeto ou realização de investimentos específicos.

Leia também: Análise SWOT/FOFA: Saiba O Que É E Como Implementar

Essa métrica é muito importante para avaliar a viabilidade de atividades e investimentos realizados pela empresa.

O terceiro entre os principais indicadores de rentabilidade é o Retorno Sobre as Vendas (ROA). A partir da divisão de lucro líquido sobre as vendas e, multiplicando-se o resultado por 100, obtém-se essa métrica.

Por que a coleta de dados é importante? 

Sem a coleta de dados para metrificação e análise de resultados é quase impossível detectar onde pode haver correção de erros e melhorias.

Os indicadores estão, sem dúvidas, entre as ferramentas mais importantes para a gestão de negócios. 

Sem os indicadores é impossível tomar decisões assertivas, o que, como consequência, pode gerar problemas administrativos de difícil solução. 

Quem pode analisar indicadores?

Profissionais com diferentes habilitações podem realizar a coleta de dados para metrificação e obtenção de indicadores de rentabilidade.

Em empresas, a contratação de contadores para essa função é muito comum, ainda que, com os devidos conhecimentos, o próprio empresário possa realizar alguns desses estudos e gerir os negócios.

Outra opção encontrada no mercado são as empresas especializadas em contabilidade e finanças. 

Entre os diferentes serviços fornecidos, esses agentes costumam oferecer pacotes que incluem a coleta e análise de dados financeiros.

Fonte: Finube

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação