Diferença de preço em produtos da cesta básica chega a 323% em Santa Catarina

Compartilhe
PUBLICIDADE

A comparação dos valores da cesta nos primeiros meses de 2023, de acordo com dados do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), mostrou que todas as capitais do país sofreram alta de preços e Florianópolis não escapou. Para auxiliar o consumidor catarinense, o Procon realiza uma pesquisa mensal de valores nos itens que compõem a cesta básica. E a diferença nos preços na Grande Florianópolis de alguns produtos entre um estabelecimento e outro chegam a 323%, como no caso da batata lavada. O alimento pode ser encontrado em alguns locais por R$ 2,59 o quilo, e em outros por até R$ 10,98.

:: Pesquisa completa aqui

Leia mais: Santa Catarina Disponibiliza Mais De 7 Mil Vagas De Emprego Pelo Sine

Mesmo com a diferença, o Procon explica que os estabelecimentos têm os diretos resguardados pelo princípio da livre concorrência, não podendo autuar ou notificar os comércios em função da diferença de preços.

“São inúmeros fatores que definem o preço de um produto e nós, mesmo buscando sempre defender os direitos dos consumidores catarinenses, não temos uma justificativa para agir contra os estabelecimentos. Somente em casos onde o consumidor esteja comprovadamente sendo lesado ou que ele infrinja o Código de Defesa do Consumidor”, explica a coordenadora de fiscalização do órgão, Clarice Costa.

Fonte: Governo do Estado de Santa Catarina

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação