INSS usa inteligência artificial para combater fraudes em atestados médicos

Alguns casos já foram identificados e encaminhados à Polícia Federal.

Compartilhe
PUBLICIDADE

Nesta semana, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) anunciou a implementação de um novo sistema com robôs para identificar fraudes em atestados médicos usados em solicitações de benefícios, como o auxílio-doença.

Quando a ferramenta será utilizada?

De acordo com o INSS, a ferramenta destinada a identificar fraudes em atestados médicos começou a ser empregada pela Previdência Social em dezembro de 2023, mas estará totalmente operacional somente em 2024.

O objetivo principal é aprimorar a verificação de dados, especialmente no Atestmed (sistema para envio digital de documentação médica pelo segurado, acessível no site ou no aplicativo Meu INSS). Atualmente, a análise dos atestados é realizada por amostragem.

Leia Também: Como Obter A Certidão De Tempo De Contribuição?

O que a ferramenta irá analisar?

A inteligência artificial será utilizada para verificar atestados médicos, analisando a identificação dos médicos, os registros no CRM, a grafia dos profissionais e padrões de disparos em massa de um mesmo IP.

O presidente do INSS, Alessandro Stefanutto, afirmou que aqueles que fraudarem atestados médicos serão responsabilizados criminalmente. Alguns casos já foram identificados e encaminhados à Polícia Federal.

O INSS implementou diversas medidas para reduzir a fila de segurados, incluindo o envio de documentação pela plataforma do INSS, pagamento de bônus a servidores que trabalham fora do horário regular e o uso da telemedicina no Programa de Enfrentamento à Fila da Previdência Social (PEFPS).

Um exemplo de fraude foi o caso de uma profissional em São Paulo que apresentou um atestado com quatro padrões de letras diferentes, sem trabalhar no hospital indicado.

Conforme afirmado pelo presidente do INSS, Alessandro Stefanutto, “aqueles que fraudarem atestados médicos serão responsabilizados criminalmente”.

Leia Também: Dicas Do INSS: Fique Atento Ao Solicitar Sua Aposentadoria

Desafios

Em novembro deste ano, foi divulgado o resultado de uma auditoria conduzida pela Controladoria-Geral da União (CGU), revelando que seis em cada dez pedidos de benefício analisados pelos robôs do INSS foram negados.

Essa informação trouxe preocupações para os contribuintes que buscam aposentadoria, uma vez que representa um aumento em comparação ao ano anterior, que rejeitou 45% dos pedidos de benefícios previdenciários, um percentual inferior aos 65% registrados em 2022.

Acompanhe o blog do Previdenciarista para se manter informado sobre as últimas atualizações relacionadas à ferramenta de detecção de fraudes em exames médicos para a concessão de benefícios, como o auxílio-doença. Explore também o conteúdo sobre aposentadoria por idade.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação