15°C 29°C
Uberlândia, MG
Publicidade

FGTS - Especialistas dão dicas de como usar o saldo da conta para realizar sonhos

FGTS - Especialistas dão dicas de como usar o saldo da conta para realizar sonhos

29/01/2017 às 14h44 Atualizada em 29/01/2017 às 16h44
Por: Ricardo de Freitas
Compartilhe:
Accountant at work in his office
Accountant at work in his office
Com o dinheiro extra das contas inativas do FGTS, especialistas recomendam aos trabalhadores investir em fundos mais conservadores, ou seja, aqueles em que há riscos menores de perdas. Para Haroldo Monteiro, economista especializado em Finanças da faculdade Ibmec, há opções interessantes para quem deseja aplicar o montante e ter um rendimento financeiro maior do que o do Fundo de Garantia atual (de 3% ao ano mais Taxa Referencial, que está praticamente zerada). O FGTS, hoje, rende menos do que a inflação (6,29%, em 2016). Segundo ele, a poupança, por exemplo, tem rendimento de 7% no ano. Já o Tesouro Direto dá um retorno anual de 11%. — O Tesouro Direto é a melhor aplicação que existe no momento, para quem tem algum dinheiro guardado. É democrático, pois é para quem tem muito dinheiro e para quem tem pouco. Com R$ 30, já é possível investir — disse. O Tesouro Direto foi uma das opções de investimento que mais cresceram no ano passado. É um programa de negociação de títulos públicos a pessoas físicas por meio da internet. Para o pequeno investidor, é considerado uma opção de investimento de baixo custo e segura, já que os títulos públicos são considerados os de menor risco na economia. Ao comprar um título, explica Monteiro, o investidor tem uma taxa de rendimento anual que é prometida pelo Tesouro Nacional, que administra os papéis. Porém, o valor somente é garantido se quem investiu ficar com o papel até a data de vencimento. Caso o venda antecipadamente, receberá apenas o valor de mercado. O investidor precisa ficar atento, pois existem quatro tipo de títulos. Pode-se aplicar num título prefixado, no qual o trabalhador já conhece a rentabilidade final. Além disso, existe o título indexado à Selic, parâmetro oficial da economia. Este é o que tem menos risco, pois é ligado à taxa de juros, que oscila de acordo com as decisões do governo federal.
A jornalista Joice Rodrigues, de 41 anos, acha que foi uma excelente ideia do governo nos dar a possibilidade de resgatar esse saldo inativo do Fundo de Garantia: - Em outras circunstâncias, eu o usaria para viajar, tirar férias com meus filhos, mas, na atual conjuntura, num ano em que decidi apostar no meu trabalho, vou usá-lo para pagar algumas dívidas. O início de ano, principalmente para quem tem filhos, é pesado. São muitas contas a pagar: IPVA e IPTU, além de dívidas feitas no fim do ano, para as festas. Entenda a diferença O educador financeiro Rogério Braga, da DSOP Educação Financeira, explica que a pessoa que está endividada não necessariamente está inadimplente. Segundo o especialista, o endividado é qualquer pessoa que tem um débito a pagar, seja um financiamento ou uma fatura do cartão de crédito, por exemplo, enquanto o inadimplente é aquele que não consegue honrar os compromissos financeiros, ou seja, está com contas ou prestações em atraso e até com o nome inscrito em cadastros como os do SPC e da Serasa: “Em caso de inadimplência, o cartão de crédito e o cheque especial, por causa dos juros, devem ser avaliados com prioridade e pagos logo, pois os juros no Brasil são muito extorsivos”, aconselhou. Caso as contas estejam em dia, segundo o educador financeiro, o ideal é utilizar esses recursos que serão liberados com o saque das contas inativas do FGTS para a realização de sonhos e objetivos da família, ainda que num outro momento. Invista para o futuro Para que a pessoa utilize o dinheiro a fim de realizar os desejos futuramente, Rogério Braga sugere que os recursos sejam aplicados em investimentos como o Tesouro Direto ou outro fundo com bom rendimento. A quantia poderá ser sacada, com juros, depois de um tempo. “Se for para ficar com o dinheiro em casa, é melhor deixá-lo aplicado na poupança. Mas lembre-se de que essa modalidade não é tão indicada neste momento. O ideal é comprar títulos públicos para, futuramente, realizar seus sonhos de curto, médio e longo prazos. Leia mais: https://extra.globo.com/emprego/servidor-publico/especialistas-dao-dicas-de-como-usar-saldo-do-fgts-para-realizar-sonhos-20839048.html#ixzz4XAaG7ub4
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
16°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 29°

16° Sensação
3.6km/h Vento
72% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h36 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Sex 30° 17°
Sáb 30° 18°
Dom 30° 16°
Seg 30° 18°
Ter 26° 15°
Atualizado às 08h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,15 -0,02%
Euro
R$ 5,58 -0,02%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,19%
Bitcoin
R$ 382,082,77 +1,06%
Ibovespa
125,650,03 pts -1.38%
Publicidade
Publicidade