15°C 26°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Como reativar CNPJ? Saiba em que momento é possível fazer isso!

Como reativar CNPJ? Saiba em que momento é possível fazer isso!

15/04/2022 às 18h00 Atualizada em 15/04/2022 às 21h00
Por: Leonardo Grandchamp
Compartilhe:

Esse é um tema muito procurado. É muito comum quem tem empresa se ver nessa situação de não saber como, em que situação nem se é possível reativar um CNPJ. De antemão, vale dizer que não é possível reativar um CNPJ depois que ele já foi baixado, ou seja, encerrado. Mas até isso acontecer, o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas passa por diversas etapas e nestes momentos é possível regularizar e recorrer para não perder sua empresa.

Continua após a publicidade

Bom, se quer saber mais sobre este tema, fique de olho neste post. Vamos te explicar até quando é possível e como reativar um CNPJ. Afinal, tudo depende do status em que ele se encontra. Continue lendo para entender mais.

O que é CNPJ?

Antes de tudo, é sempre bom esclarecer o que é CNPJ. Essa sigla é a abreviação de Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas. Basicamente, é o número que identifica sua empresa perante a Receita Federal, assim como o CPF funciona para as pessoas físicas.

Assim como as pessoas físicas precisam manter o CPF regular para não serem impedidos de abrir contas bancárias, adquirir cartões de crédito, alugar um imóvel, conseguir um empréstimo, entre outras situações, a pessoa jurídica também deve manter-se regularizada.

O que acontece com um CNPJ irregular?

Existem diversos motivos que podem levar um CNPJ e ter irregularidades. Alguns exemplos são: inadimplência no pagamento de impostos, omissão de declarações contábeis e financeiras entre outras questões. Essas irregularidades podem impedir a empresa de emitir notas fiscais, conseguir empréstimo bancário, participar de licitações e muitas outras consequências.

Continua após a publicidade

Nesses casos em que a Receita Federal encontra alguma irregularidade, é enviado um comunicado para que a empresa resolva a situação e, de acordo com as ações da empresa a partir deste comunicado, a Receita determina qual é a situação cadastral da empresa. Ou seja, o status do negócio. É a partir desta definição que você define se é possível ou não reativar o CNPJ.

Tipos de situações cadastrais empresariais

De acordo com a situação cadastral é identificado se a empresa possui ou não débitos com a Receita Federal e qual é o tipo de irregularidade.

O CNPJ pode apresentar os seguintes tipos de situações:

  • Ativo: situação regular, nenhuma pendência identificada.
  • Inapto: empresas que deixaram de apresentar declarações, demonstrativos contábeis e obrigações acessórias.
  • Nulo: em casos de atribuição de um número de inscrição municipal ou estadual para o mesmo estabelecimento. Essa inconformidade de dados pode trazer suspeita de fraude.
  • Suspenso: isso acontece quando não é identificado o pagamento da contribuição mensal de impostos.
  • Baixado: essa é a situação de empresas que deixaram de existir. Que foram canceladas.

Quando e como é possível reativar um CNPJ?

Primeiro vale a pena ressaltar que para quem está com o CNPJ suspenso ou inapto, é possível regularizar e ativar novamente. Porém, a partir do momento que é informado que está baixado ou está nulo, não se torna mais possível reativar o CNPJ.

Continua após a publicidade

Após a verificação de qual situação cadastral o seu CNPJ se encontra, para reativar o CNPJ é necessário regularizar as pendências. Logo, o primeiro passo é procurar o auxílio de um contador para fazer o levantamento de pendências e identificar quais foram as declarações ou impostos que deixaram de ser entregues.

Além disso, é preciso identificar as respectivas multas geradas e realizar o pagamento dessas pendências. Depois, realize o agendamento para ter atendimento em uma unidade da Receita Federal e compareça com toda documentação em mãos.

Como consultar a situação cadastral do meu CNPJ?

Para consultar a situação do seu CNPJ cliquei aqui e seja direcionado ao próprio site da Receita Federal. Basta colocar o número do seu CNPJ e procurar a opção “situação cadastral”, que fica no final da página.

Se constar como ativa, não existem pendências para ser regularizadas, mas, caso contrário, você deverá solicitar o atendimento na Receita Federal.

Posso reativar o MEI cancelado?

Praticamente as regras são as mesmas para o MEI, Microempresário Individual. No cenário em que o CNPJ tenha sido oficialmente cancelado/baixado, não é possível reativar. Mas, caso esteja apenas suspenso por irregularidades, é possível reverter.

Os motivos que podem levar um MEI a ser cancelado são diversos. Dentre eles estão: vínculo com outro CNPJ, atividade que não é permitida no regime e, principalmente, ultrapassar o limite de faturamento permitido.

Também existem os motivos que causam a suspensão da empresa MEI, que podemos citar como exemplo a ausência da entrega da declaração anual (DANS-SIMEI).

Como regularizar o MEI para reativar CNPJ?

A regularização é simples, pois tudo pode ser feito diretamente pelo portal do empreendedor. Inclusive, lá é possível visualizar as guias mensais não pagas (DAS) e gerar novos boletos para pagamento. Aliás, da mesma forma que funciona para ME e EPP, é possível solicitar o parcelamento dos débitos em até 60 vezes dos débitos em aberto.

É de suma importância que o contribuinte entenda que, por mais tranquila que seja a regularização, vale a pena se atentar e evitar o risco de ter o CNPJ cancelado ou suspenso, pois pode trazer grandes prejuízos. Além de impedir a emissão de notas fiscais, em casos de cancelamento o contribuinte perde o direito aos benefícios da previdência social.

E se eu não quiser mais reativar o CNPJ?

É muito importante saber que mesmo sem interesse em voltar ao negócio, a empresa ainda precisa resolver todas as pendências junto à Receita. Caso contrário, o débito irá para o CPF vinculado.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por Thamiris Ferreira

Original de Conube

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
20°
Tempo nublado

Mín. 15° Máx. 26°

20° Sensação
5.66km/h Vento
77% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h37 Nascer do sol
05h43 Pôr do sol
Qua 27° 13°
Qui 29° 14°
Sex 29° 15°
Sáb 28° 18°
Dom 28° 17°
Atualizado às 14h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,15 -0,35%
Euro
R$ 5,60 -0,34%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,55%
Bitcoin
R$ 373,428,85 -1,84%
Ibovespa
123,655,41 pts -0.67%
Publicidade
Publicidade