15°C 28°C
Uberlândia, MG
Publicidade

RG digital já pode ser baixado no seu celular, veja como fazer

RG digital já pode ser baixado no seu celular, veja como fazer

05/06/2022 às 09h23 Atualizada em 05/06/2022 às 12h23
Por: Ricardo
Compartilhe:

Os cidadãos que andam com o RG em mãos estão ganhando uma nova possibilidade que facilitará e muito o dia a dia. Isso porque agora já é possível baixar o documento de identidade direto no celular.

Continua após a publicidade

Dessa maneira, o uso do documento em papel acaba não sendo mais necessário, o que acaba contribuindo com a segurança e praticidade do cidadão.

O acesso ao RG digital é muito simples e pode ser feito apenas ao baixar um único aplicativo no seu aparelho celular e realizar a validação para utilização do documento digital.

Acesse o RG digital

O RG digital é muito simples de ser acessado e para isto basta que o cidadão baixe o aplicativo no celular e valide a versão digital do documento.

Todavia, é importante lembrar que a opção ainda não está disponível em todos os estados, isso porque, como cada estado é responsável pelo Registro de Identidade dos seus cidadãos, cada estado possui regras diferentes.

Continua após a publicidade

Confira quais são os estados que permitem acesso ao RG digital e também onde baixar cada um dos aplicativos, seja pelo Google Play para celulares Android ou na Apple Store para iPhone.

EstadoDownload para AndroidDownload para iOS (iPhone)
AlagoasBaixe no Google PlayBaixe na Apple Store
Distrito FederalBaixe no Google PlayBaixe na Apple Store
GoiásBaixe no Google PlayBaixe na Apple Store
ParáBaixe no Google PlayBaixe na Apple Store
ParaíbaBaixe no Google PlayBaixe na Apple Store
Rio de JaneiroBaixe no Google Play Baixe na Apple Store
São PauloBaixe no Google PlayBaixe na Apple Store

Como configurar o RG digital

O processo para acesso é super simples, confira:

  • Baixe o app no link acima;
  • Clique na opção adicional RG;
  • Escaneie o QR Code no verso do documento impresso;
  • Realize o reconhecimento facial;
  • Crie uma senha para acessar o documento digital
  • Pronto! Já será possível andar com seu RG na versão digital, descartando a necessidade do uso do documento em papel.

RG digital é diferente do novo RG digital

É importante lembrar que o RG digital que o cidadão já pode baixar no celular diz respeito ao modelo atual do documento que o cidadão já possui impresso.

Logo, o novo modelo do RG que começará a ser impresso obrigatoriamente apenas em 2023 se trata de um outro modelo e outro tipo de acesso.

Continua após a publicidade

Todavia, é importante lembrar que o novo RG que foi lançado esse ano pelo governo será obrigatório apenas em 2032, sendo assim, o cidadão poderá acessar esse modelo atual por mais 10 anos.

Além disso, o novo RG já virá nos dois formatos automaticamente, sendo eles a versão em papel de segurança e a versão digital que poderá ser acessada pela plataforma gov.br.

O que muda no novo RG digital

O novo RG digital será o documento oficial dos brasileiros, onde, o número do documento não será mais o número do próprio Registro de Identidade, mas sim do Cadastro de Pessoa Física (CPF) do cidadão.

Essa mudança ocorre justamente para acabar com o sistema atual, onde cada estado tira seu próprio número de RG.

Por exemplo, o cidadão que tirou a primeira via do RG em Minas Gerais e solicitou a segunda via em São Paulo terá dois números de RG diferentes, tendo em vista que cada estado emite sua própria numeração.

Nesse sentido, todo cidadão do Brasil que quisesse e solicitasse uma nova via em cada estado, poderia ter um total de 27 números de RG diferentes.

Agora com o novo documento, que será obrigatório apenas em 2032, essa sistemática vai acabar porque o número oficial do documento será o CPF.

Por fim, o novo RG digital trará as seguintes mudanças:

  • A autenticidade poderá ser checada por QR code, inclusive ‘offline’, sendo assim, apenas o CPF será considerado;
  • O RG poderá substituir o Passaporte em alguns países do Mercosul devido a implementação do MRZ (numeração impressa no passaporte);
  • A população também terá acesso à carteira de identidade digital pelo Gov.br;
  • Quando for emitida uma carteira de identidade em uma unidade da federação diferente daquela onde foi feita a primeira, ela passa a ser considerada segunda via;
  • O cidadão poderá optar por incluir informações de saúde em seu documento no momento da emissão como o grupo sanguíneo, se é doador de órgãos e informações sobre casos particulares de saúde, que possam contribuir para salvar a vida do cidadão;
  • O visual do documento também será único para todo o país.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
16°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 28°

15° Sensação
2.77km/h Vento
69% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h43 Nascer do sol
05h43 Pôr do sol
Dom 28° 15°
Seg 28° 14°
Ter 29° 15°
Qua 30° 17°
Qui 30° 17°
Atualizado às 03h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,38 +0,00%
Euro
R$ 5,77 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 376,833,91 +0,33%
Ibovespa
119,662,38 pts 0.08%
Publicidade
Publicidade