15°C 29°C
Uberlândia, MG
Publicidade

1° dia de governo: Lula dá posse a ministros e assina decretos e medidas provisórias

1° dia de governo: Lula dá posse a ministros e assina decretos e medidas provisórias

02/01/2023 às 09h10 Atualizada em 02/01/2023 às 12h10
Por: Esther Vasconcelos
Compartilhe:
Foto: Tânia Rego / Agência Brasil
Foto: Tânia Rego / Agência Brasil

Ontem, dia primeiro de janeiro de 2023, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) assumiu, seu terceiro mandato na Presidência da República.

Continua após a publicidade

Ao longo da cerimonia Lula se emocionou diversas vezes, em ato histórico, o novo presidente subiu a rampa acompanhado de sua cachorrinha, chamada Resistencia e de alguns representantes da sociedade civil. A passada de faixa foi feita pelos mesmos.

Já no seu primeiro dia, após dar posse aos 37 ministros, Lula assinou o primeiro pacote de medidas do novo governo. Saiba quais foram os atos assinados por Lula.

Leia Também: Novas regras do Vale Alimentação começam a valer este ano

Posse aos 37 ministros do governo

Após receber a faixa presidencial e discursar à população no parlatório do Palácio do Planalto, Lula deu posse à equipe ministerial antes de fazer a assinatura dos atos. Na cerimônia, cada ministro foi chamado para assinar o termo de posse.

Continua após a publicidade

Os ministros empossados, são:

  1. Fazenda: Fernando Haddad (PT)
  2. Justiça: Flávio Dino (PSB)
  3. Defesa: José Múcio Monteiro
  4. Relações Exteriores: Mauro Vieira
  5. Casa Civil: Rui Costa (PT)
  6. Relações Institucionais: Alexandre Padilha (PT)
  7. Secretaria-Geral: Márcio Macêdo (PT)
  8. Advocacia-Geral da União: Jorge Messias
  9. Saúde: Nísia Trindade
  10. Educação: Camilo Santana (PT)
  11. Gestão: Esther Dweck
  12. Portos e Aeroportos: Márcio França (PSB)
  13. Ciência e Tecnologia: Luciana Santos (PCdoB)
  14. Mulheres: Cida Gonçalves (PT)
  15. Desenvolvimento Social: Wellington Dias (PT)
  16. Cultura: Margareth Menezes
  17. Trabalho: Luiz Marinho (PT)
  18. Igualdade Racial: Anielle Franco
  19. Direitos Humanos: Silvio Almeida
  20. Indústria e Comércio: Geraldo Alckmin (PSB)
  21. Controladoria-Geral da União: Vinícius Marques de Carvalho
  22. Planejamento: Simone Tebet (MDB)
  23. Meio Ambiente: Marina Silva (Rede)
  24. Esportes: Ana Moser
  25. Integração e Desenvolvimento Regional: Waldez Góes (PDT)
  26. Agricultura: Carlos Fávaro (PSD)
  27. Povos Indígenas: Sônia Guajajara (PSOL)
  28. Secretaria de Comunicação Social: Paulo Pimenta (PT)
  29. Previdência Social: Carlos Lupi, presidente do PDT
  30. Pesca: André de Paula (PSD)
  31. Gabinete de Segurança Institucional: general da reserva Marco Edson Gonçalves Dias
  32. Cidades: Jader Filho (MDB)
  33. Turismo: Daniela Carneiro (União Brasil)
  34. Minas e Energia: Alexandre Silveira (PSD)
  35. Transportes: Renan Filho (MDB)
  36. Comunicações: Juscelino Filho (União Brasil)
  37. Desenvolvimento Agrário: Paulo Teixeira (PT)

Leia Também: Lula volta com o Bolsa Família em janeiro. Confira as datas de pagamento

Medidas e decretos assinados por Lula neste domingo

O presidente fez seu primeiro "revogaço", ontem mesmo, no total foram assinados 13 despachos, entre decretos e medidas provisórias (MPs).

  • Medida provisória que reestrutura a Esplanada dos Ministérios e cria novas pastas;
  • Medida provisória que recria o Bolsa Família no valor de R$ 600;
  • Medida provisória que prorroga a desoneração dos combustíveis por 60 dias;
  • Decreto que inicia reestruturação da política de controle de armas;
  • Decreto que restabelece medidas de combate ao desmatamento na Amazônia;
  • Decreto que restabelece o Fundo Amazônia;
  • Decreto revogando norma do governo Jair Bolsonaro que, segundo a nova gestão, "incentivava o garimpo legal na Amazônia";
  • Decreto que, segundo o novo governo, "extingue a segregação e garante inclusão de pessoas com deficiência";
  • Decreto que remove impedimentos estabelecidos na gestão anterior para a participação social na definição de políticas públicas;
  • Despacho determinando que a Controladoria-Geral da União (CGU) avalie, em 30 dias, decisões sobre sigilo;
  • Proposta para retirar Correios, Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) e Petrobras dos estudos do Programa Nacional de Desestatização;
  • Despacho determinando que o Ministério do Meio Ambiente proponha, em 45 dias, nova regulamentação para o Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Continua após a publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
29°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 29°

28° Sensação
3.43km/h Vento
31% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h36 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Sex 30° 17°
Sáb 30° 18°
Dom 30° 16°
Seg 30° 18°
Ter 26° 15°
Atualizado às 14h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,16 +0,09%
Euro
R$ 5,58 -0,03%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,13%
Bitcoin
R$ 368,850,09 -2,55%
Ibovespa
124,655,72 pts -0.79%
Publicidade
Publicidade