18°C 28°C
Uberlândia, MG

Mudar a política do salário mínimo é mais urgente do que aumentar valor, diz ministro

Mudar a política do salário mínimo é mais urgente do que aumentar valor, diz ministro

27/01/2023 às 18h20 Atualizada em 27/01/2023 às 21h20
Por: Jorge Roberto Wrigt
Compartilhe:

Um dos assuntos que vem tomando conta das redes sociais é o valor do salário que deveria ter subido para R$ 1.320 e acabou não acontecendo. O governo federal vem dizendo que o mínimo subirá em maio.

Continua após a publicidade

No entanto, segundo o portal UOL, o ministro do Trabalho, Luiz Marinho, disse que a elaboração de uma nova política de valorização do salário mínimo é mais urgente do que conceder um novo reajuste imediatamente. 

O ministro ainda vem dando esperanças ao trabalhador que a partir de 1º de maio o valor do mínimo vai subir de R$ 1.302 para 1.320. De acordo com Marinho, antes de subir o valor é preciso analisar o tamanho do impacto que o novo reajuste vai causar nas contas públicas antes de tomar qualquer decisão. Para isso, afirmou o ministro, existe um grupo de trabalho criado pelo governo, que fará esse estudo.

Leia Também: Banco Central corrige dados cambiais e Brasil fecha 2022 no Negativo

Qual será o valor?

Antes que o trabalhador fique animado, as palavras de Luiz Marinho, jogaram um balde de água fria em quem quer o aumento do salário. Segundo ele: "se tiver espaço, haverá alteração, não tem espaço? Vai manter o valor de R$ 1.302". 

Continua após a publicidade

Mas deixou a entender que se houver uma brecha, o valor pode subir para R$ 1.315. 

"Se o espaço que tem der para pagar R$ 1.315, vamos nesse valor. Conseguiu mais? Sobe para 1.320". 

Neste caso, ficou uma dúvida no ar, haverá aumento para R$ 1.320 ou R $ 1.315? Com isso, a cabeça do trabalhador deve estar dando um nó.

Leia Também: 7 desculpas mais usadas pelo trabalhador para faltar ao trabalho

Continua após a publicidade

Poder de compra 

Luiz Marinho também falou que a intenção do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é garantir o poder de compra de quem trabalha com carteira assinada.

Durante os governos Lula, Dilma Rousseff e Michel Temer, o valor foi corrigido por um cálculo que considerava a inflação do ano anterior mais o crescimento médio do PIB nos últimos dois anos.

Dilma transformou a regra em lei e instituiu uma política de valorização do piso em 2011. Ela repetiria a mesma fórmula em 2015, estendendo a medida até 2019.

O salário mínimo em 2023 teve um aumento de R$ 90,00, o que significa um reajuste de 7,43%, ficando acima da inflação medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), de 5,93%.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
26°
Parcialmente nublado

Mín. 18° Máx. 28°

27° Sensação
1.54km/h Vento
61% Umidade
75% (0.69mm) Chance de chuva
06h24 Nascer do sol
05h59 Pôr do sol
Sáb 28° 19°
Dom 27° 20°
Seg 28° 20°
Ter 29° 21°
Qua 29° 18°
Atualizado às 18h46
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,20 -0,79%
Euro
R$ 5,55 -0,54%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,55%
Bitcoin
R$ 355,791,48 +1,66%
Ibovespa
125,124,30 pts 0.75%