13°C 27°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Fila do INSS cresce, e atinge 1,28 milhão de pessoas em espera

Fila do INSS cresce, e atinge 1,28 milhão de pessoas em espera

13/04/2023 às 11h13 Atualizada em 13/04/2023 às 14h13
Por: Lucas Machado
Compartilhe:
Agência do INSS
Agência do INSS

Conforme informações do Boletim Estatístico da Previdência Social, a fila de espera pela liberação de benefícios do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) voltou a subir em 2023. Os dados indicam que de dezembro do último ano até o mês de fevereiro houve um crescimento de 28% no número de pessoas que aguardam a análise de concessão dos proventos. 

Continua após a publicidade

Nesta linha, no último mês de 2022, a fila estava na marca de 1 milhão de pessoas em espera, crescendo para 1,14 milhão em janeiro, e subindo novamente para 1,28 milhão em fevereiro. Aliás, desde 2019, o contingente de pedidos em aguardo se manteve alta, superando a casa dos 2 milhões em junho do ano passado. O cenário atrela-se tanto ao estoque de benefícios previdenciários, quanto àqueles de natureza assistencial. 

Vale explicitar que a fila do INSS é composta por pessoas que aguardam algum tipo de encaminhamento do instituto, seja por análise ou revisão de benefícios, perícia médica ou social, averbação, dentre outros procedimentos que cabem a autarquia. 

Aumento da fila do INSS: motivos e soluções 

De acordo com Jane Berwanger, doutora em Direito Previdenciário, a fila do INSS já representa um problema histórico, “e parece um mal crônico, que não se encontra uma solução”. Segundo as perspectivas da mesma, não é de hoje que se percebe, pessoas reclamando pela longa demora pelo atendimento em procedimentos do instituto. 

Em sua coluna no portal GAZ, a especialista destaca diferentes razões que resultam nessa problemática, tais como ausência de mão de obra, escassez de recursos tecnológicos para atuação dos servidores, e até mesmo o uso exacerbado de “rôbos” do INSS para análise de benefícios, o que culminou no indeferimento de inúmeros pedidos. A especialista aponta que novas contratações e o investimento em ferramentas capazes de potencializar as condições de trabalho dos servidores são os melhores caminhos para chegar a uma solução. 

Continua após a publicidade

Nesta mesma linha, o advogado João Badari, especialista em direito previdenciário, destaca a escassez de contratações como o principal causador do problema. “A gente tem uma população que está aumentando, uma população que está envelhecendo mais, e o número de servidores do INSS está sempre diminuindo", diz.

O que diz o Ministério da Previdência Social

Na última quarta-feira (12), o ministro Carlos Lupi afirmou que a pasta deve retomar os pagamentos de bônus aos servidores do instituto, ainda este mês. A medida surge no intuito de acelerar a conclusão de pedidos de perícias e espera por benefícios. 

De acordo com Ministério da Previdência Social, o recente aumento na fila do INSS, é algo comum, devido a sazonalidade do ano, por representar um período que representa as férias de muitos servidores. Em nota, o órgão por meio do instituto presta esclarecimentos quanto a crescente no estoque. 

"No momento, as equipes estudam todos os processos internos para um diagnóstico da situação atual, visando a proposição de novas medidas que colaborem com a redução do estoque e do tempo médio de concessão", informa a pasta. 

Continua após a publicidade

A pasta em reunião com o Ministério, encaminhou uma proposta de redação para publicação de Medida Provisória que prevê o pagamento bônus para o trabalho extraordinário. A gratificação seria destinada a servidores e peritos médicos federais.

Segundo considerações da defensora pública Fernanda Hahn, entende-se que  "este encaminhamento e aprovação dessa MP é de extrema importância como uma medida emergencial diante desse quadro de caos. Temos informação de que são mais de 1 milhão de perícias aguardando realização, e mais de 1 milhão de requerimentos administrativos aguardando conclusão administrativa". 

Ainda sim Hahn, não deixa de enfatizar que a crescente demora nos procedimentos é um  problema de extrema importância, visto que apesar do acordo da pasta com o STF para melhorias na organização e pagamento de juros quando tempo de espera extrapola os prazos estabelecidos, o volume de solicitações de espera continua aumentando, não cumprindo a meta de conclusão da análise dos pedidos.

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. 

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
25°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 27°

25° Sensação
6.69km/h Vento
38% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h43 Nascer do sol
05h43 Pôr do sol
Sex 28° 16°
Sáb 28° 15°
Dom 28° 15°
Seg 29° 15°
Ter 29° 15°
Atualizado às 15h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,37 -0,79%
Euro
R$ 5,76 -1,44%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,84%
Bitcoin
R$ 379,235,89 -2,25%
Ibovespa
119,823,25 pts -0.09%
Publicidade
Publicidade