17°C 30°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Governo vai taxar em 30% lucros dos ganhadores de apostas esportivas

Governo vai taxar em 30% lucros dos ganhadores de apostas esportivas

19/04/2023 às 15h28 Atualizada em 19/04/2023 às 18h28
Por: Jorge Roberto Wrigt
Compartilhe:
Imagem: gpointstudio / freepik
Imagem: gpointstudio / freepik

Ainda em abril, o Governo Federal deverá apresentar uma medida provisória que pretende regulamentar o mercado de apostas esportivas. A taxação deve fazer com que o ganhador pague um imposto de 30% sobre os prêmios recebidos durante o evento esportivo. 

Continua após a publicidade

Segundo o texto da medida, haverá isenção para prêmios que se enquadrem na faixa livre de Imposto de Renda, atualmente em R$ 1.903,98. 

Mas a regulamentação não deve agradar as empresas de apostas esportivas, que terão de pagar R$ 30 milhões ao Governo Federal para terem direito a licença com duração de cinco anos e 15% de imposto sobre o lucro, depois da distribuição dos prêmios.

Uma outra exigência, todas as empresas ligadas ao setor de apostas deverão ter registro no Brasil. Deverão contratar funcionários brasileiros e ter um um capital social mínimo de R$ 100 mil. 

Um outro detalhe chamou a atenção: tanto as companhias que vendem as apostas esportivas quanto aquelas que oferecem os meios de pagamento terão que ser credenciadas pelo governo.

Continua após a publicidade

Dados do governo garantem que essas empresas movimentam, até R$ 150 bilhões por ano, sem pagar nenhum imposto. No mercado brasileiro, atualmente, existem pelo menos 20 companhias em atuação. Entre elas: Bet365, Sportingbet, Sportsbet, Galerabet, Pixbet e Betano.

Com a medida, o Ministério da Fazenda espera arrecadar de R$ 12 a R$ 15 bilhões por ano com a taxação das apostas.

Imagem: federcap / freepik

Leia Também: Governo Entrega Projeto Que Institui Novo Marco Fiscal Do Brasil

A regulamentação

Na semana passada, José Francisco Manssur, assessor especial do secretário-executivo do Ministério da Fazenda, esteve presente em audiência pública na na Câmara dos Deputados, quando detalhou como deverá ser feita a regulamentação e a taxação das empresas que oferecem sites de apostas esportivas.

Continua após a publicidade

De acordo com Mansur, para atuar no país, uma empresa de apostas esportivas terá de ser credenciada junto ao governo federal, após a edição da MP.

“Apostar em um site que não esteja credenciado junto ao ministério da Fazenda será um ato ilícito, tanto do operador quanto do próprio apostador”, afirmou Manssur.

Ele afirmou que o governo federal já perdeu R$ 6 bilhões pela não taxação das empresas de apostas esportivas online.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
17°
Tempo limpo

Mín. 17° Máx. 30°

16° Sensação
2.7km/h Vento
63% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h35 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Qua 29° 15°
Qui 29° 16°
Sex 30° 18°
Sáb 30° 17°
Dom 30° 16°
Atualizado às 05h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,10 +0,01%
Euro
R$ 5,54 +0,03%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,77%
Bitcoin
R$ 385,412,23 +2,85%
Ibovespa
127,750,92 pts -0.31%
Publicidade
Publicidade