15°C 29°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Deflação: Haddad projeta “mais boas notícias” a partir de agosto

Deflação: Haddad projeta “mais boas notícias” a partir de agosto

12/07/2023 às 10h51 Atualizada em 12/07/2023 às 13h51
Por: Esther Vasconcelos
Compartilhe:
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Na entrevista concedida nesta terça-feira (11), Fernando Haddad, ministro da Fazenda, afirmou aos jornalistas que a deflação moderada registrada em junho era previsível e antecipou a perspectiva de "mais boas notícias" a partir de agosto.

Continua após a publicidade

“O Brasil está na melhor situação possível, e nós temos tudo para começar um ciclo novo de desenvolvimento, insisto nisso já há uns meses. Espero que a gente tenha mais boas notícias a partir de agosto”, disse.

Durante os dias 1º e 2 de agosto, está programada uma próxima reunião do Conselho de Política Monetária do Banco Central (Copom).

O mercado está prevendo que nesse encontro será dado início a um ciclo de redução da taxa de juros, que atualmente se encontra em 13,75% ao ano.

Deflação

Haddad comentou a queda de 0,08% registrada pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em junho. Esse foi o primeiro IPCA negativo em 2023 e desde setembro de 2022, quando alcançou 0,29%.

Continua após a publicidade

Em uma entrevista à imprensa após sua reunião com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), o político também fez projeções para a política econômica.

Ele expressou confiança na aprovação do projeto de lei do Carf e da reforma tributária no Senado.

Haddad destacou que a aprovação do PL do Carf prepara o terreno para que a ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, possa elaborar o Orçamento, abordando questões de grande importância.

“Quais sejam os mais importantes? Manutenção num patamar mínimo de investimento, recomposição do piso constitucional da Saúde e da Educação e o resultado primário que nós almejamos para o ano que vem, para dar uma estabilidade, se Deus quiser, por muitos anos para a economia brasileira”, disse.

Continua após a publicidade

“Estamos no caminho, portanto, para entregar para o país um 2024 ainda melhor do que tivemos em 2023, com geração de oportunidades”, acrescentou Haddad.

Leia Também: Inflação Oficial Do Mês De Junho Ficou Negativa

Previsão de Inflação para 4,95% neste ano

Pela oitava vez, o mercado financeiro revisou para baixo a previsão da inflação deste ano. De acordo com o Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira (10), espera-se que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) encerre o ano em 4,95%.

Na semana anterior, a projeção do mercado era de 4,98%. Quatro semanas atrás, a previsão era de 5,42%.

A projeção ainda permanece acima da meta de inflação estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) para este ano, que é de 3,25%, com uma margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para mais ou para menos.

Assim, a meta será considerada oficialmente cumprida se variar entre 1,75% e 4,75%. Para o ano de 2024, a projeção é de que o IPCA seja de 3,92%.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
29°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 29°

28° Sensação
3.43km/h Vento
31% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h36 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Sex 30° 17°
Sáb 30° 18°
Dom 30° 16°
Seg 30° 18°
Ter 26° 15°
Atualizado às 14h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,15 +0,03%
Euro
R$ 5,57 -0,14%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,16%
Bitcoin
R$ 366,173,73 -3,19%
Ibovespa
124,605,53 pts -0.83%
Publicidade
Publicidade