15°C 26°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Veja o Impacto do eSocial no Trâmite Judicial e Departamento de RH

Veja o Impacto do eSocial no Trâmite Judicial e Departamento de RH

20/07/2023 às 13h53 Atualizada em 20/07/2023 às 16h53
Por: Leonardo Grandchamp
Compartilhe:
Imagem por @our-team / freepik / esocial / editado por Jornal Contábil
Imagem por @our-team / freepik / esocial / editado por Jornal Contábil

eSocial é um sistema do governo que visa modernizar as obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas das empresas no Brasil. Ele foi desenvolvido em conjunto pela Receita Federal, Caixa Econômica, INSS e Ministério do Trabalho e faz parte do projeto SPED (Sistema Público de Escrituração Digital). O objetivo principal do eSocial é digitalizar e unificar o envio de informações fiscais, previdenciárias e trabalhistas das empresas, garantindo a proteção e sigilo das informações.

Continua após a publicidade

Leia também: Entenda Como O ESocial Impacta As Empresas

Recentemente, foram introduzidas algumas novidades no eSocial relacionadas à emissão de informações sobre processos trabalhistas por meio de quatro novos eventos. Esses eventos abrangem o próprio processo trabalhista, as contribuições, questões tributárias decorrentes do processo e a exclusão de eventos apresentados sem autorização. Com o envio em tempo real dessas informações, espera-se uma maior detecção de irregularidades e o cumprimento das obrigações trabalhistas e previdenciárias. Isso proporcionará maior transparência dos dados e facilitará as análises realizadas pelas fiscalizações.

No entanto, a implementação do eSocial pode ser um desafio para empresas com um grande volume de processos trabalhistas e estruturas complexas. Enviar informações detalhadas e padronizadas sobre os funcionários e seus vínculos, incluindo informações sobre processos trabalhistas, pode ser especialmente desafiador para organizações com um alto número de processos em andamento, tanto de funcionários próprios quanto terceirizados.

Leia também: Alerta! Processos Trabalhistas No ESocial: Data É Adiada Novamente

Continua após a publicidade

Além disso, essa mudança também trouxe um desafio adicional para as empresas, que é promover a integração entre o departamento jurídico, o setor de RH e outras áreas envolvidas na elaboração da folha de pagamento e no envio de informações ao eSocial. Uma comunicação eficiente entre esses departamentos é essencial para garantir a qualidade e consistência dos dados, bem como uma boa gestão de prazos, evitando multas e débitos decorrentes do não cumprimento das obrigações.

A complexidade do eSocial exige que os profissionais responsáveis pelo envio das informações estejam habilitados e atualizados quanto às regras e exigências do sistema. Portanto, é fundamental investir em treinamentos e capacitação para garantir que as informações sejam enviadas corretamente ao sistema.

As novas normas estabelecidas pelo eSocial trazem algumas dificuldades para o setor de RH e o jurídico. Isso ocorre devido à complexidade das leis e regulamentações trabalhistas, previdenciárias e fiscais no Brasil, que é conhecido por ter um dos sistemas tributários e trabalhistas mais complexos do mundo. Além disso, as constantes revisões e atualizações feitas pelo governo, juntamente com a falta de clareza e interpretação subjetiva de muitas normas e regras, também contribuem para essas dificuldades.

Desafios da integração entre o setor jurídico e RH na implementação do eSocial

A implementação do eSocial traz mudanças significativas nos processos internos do setor jurídico e de recursos humanos (RH) das empresas. Uma das principais mudanças diz respeito à comunicação entre o departamento jurídico e o RH, assim como o compartilhamento de informações sobre processos trabalhistas. Portanto, será necessário que os elementos relevantes sobre processos trabalhistas sejam compartilhados entre esses setores, demandando uma maior comunicação e cooperação para garantir a precisão e a tempestividade dos dados fornecidos.

Continua após a publicidade

A importação dos dados dos sistemas utilizados pelas áreas jurídica e de RH será essencial para facilitar o compartilhamento de informações. Essa união permitirá troca ágil e eficiente de dados, evitando retrabalhos na transmissão das informações ao eSocial.

O departamento jurídico precisará se adaptar à padronização exigida pelo eSocial, garantindo que os dados sejam fornecidos de acordo com os requisitos do sistema. Além disso, serão necessários mecanismos de controle e monitoramento para assegurar a conformidade com as exigências do eSocial, evitando multas e penalidades. É importante ressaltar que esta é a primeira versão do eSocial e que novas atualizações surgirão no futuro. Portanto, o departamento jurídico precisa acompanhar essas mudanças no eSocial para atualizar seus processos internos e compreender as futuras exigências.

É válido mencionar que os sistemas de folha de pagamento e os sistemas jurídicos são separados e não possuem integração direta. O sistema de folha de pagamento é responsável pelo processamento de dados relacionados aos funcionários, como salários, benefícios, impostos, entre outros. Já o sistema jurídico é utilizado pelo departamento jurídico para gerenciar processos judiciais, acompanhar prazos, elaborar petições, entre outras atividades.

Investimentos estratégicos e desafios na implementação do eSocial

Cada empresa é única em sua natureza, mas todas compartilham o interesse em investir em soluções de software e sistemas integrados para automatizar e agilizar suas atividades. Essas ferramentas visam reduzir o tempo gasto em tarefas manuais, minimizar erros e promover a capacitação dos profissionais responsáveis pela folha de pagamento, RH e departamento jurídico. Além disso, as empresas estão revendo seus processos internos, promovendo uma maior colaboração e troca de informações entre esses departamentos, implementando sistemas de monitoramento e controle para garantir o cumprimento das obrigações legais. Algumas empresas optam por terceirizar as rotinas operacionais do RH, incluindo a elaboração e transmissão do eSocial, buscando estratégias eficientes.

A implementação dos novos eventos do eSocial pode ter um impacto nos custos operacionais das empresas de diferentes maneiras. Embora seja difícil generalizar os custos, pois eles variam de acordo com o tamanho e a complexidade de cada organização, existem alguns aspectos comuns que podem afetar os gastos. Isso inclui investimentos em tecnologia, treinamento e capacitação, ajustes nos processos internos e a necessidade de monitoramento e revisão contínuos.

É importante ressaltar que cada companhia pode enfrentar desafios específicos relacionados ao eSocial. Portanto, é essencial que elas se adaptem às recomendações de acordo com suas necessidades e realidades. Investir em tecnologia e integração entre o setor de RH e o departamento jurídico é vital, embora possa demandar recursos financeiros consideráveis. Além disso, contar com suporte especializado, como consultorias, pode auxiliar na interpretação das normas e regras do eSocial, na revisão dos procedimentos internos e na identificação de possíveis riscos e oportunidades de melhoria. Isso permite que a empresa tome decisões assertivas e efetivas nesse processo de implementação.

No contexto da implementação do eSocial, a terceirização das rotinas operacionais emerge como uma estratégia importante para as empresas lidarem com os desafios. Ao terceirizar atividades como a elaboração da folha de pagamento, o cumprimento das exigências do eSocial e a gestão de benefícios, as organizações podem se concentrar em suas principais atividades, reduzir custos operacionais e ter acesso a especialistas com conhecimento aprofundado na área. Isso garante conformidade legal e eficiência nos processos, tornando-se um ponto estratégico relevante.

Por Igor Meireles é um contador com quase 20 anos de experiência nas áreas contábil, tributária, de folha de pagamento e financeira. 

Por Paulo Souza é um Administrador, Contador e Pós-graduado em Perícia, com mais de 22 anos de experiência.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
20°
Parcialmente nublado

Mín. 15° Máx. 26°

20° Sensação
4.87km/h Vento
68% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h37 Nascer do sol
05h43 Pôr do sol
Qua 27° 13°
Qui 29° 14°
Sex 29° 15°
Sáb 28° 18°
Dom 28° 17°
Atualizado às 17h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,16 -0,22%
Euro
R$ 5,60 -0,25%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,43%
Bitcoin
R$ 372,675,47 -2,16%
Ibovespa
123,779,54 pts -0.58%
Publicidade
Publicidade