16°C 29°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Segurança de dados na contabilidade: o papel dos contadores em relação a LGPD

Segurança de dados na contabilidade: o papel dos contadores em relação a LGPD

16/11/2023 às 19h47 Atualizada em 16/11/2023 às 22h47
Por: Bia Montes
Compartilhe:
Imagem: freepik
Imagem: freepik

No turbilhão de perguntas e incertezas que envolvem a implementação da Lei Geral de Proteção de Dados - LGPD no cenário contábil brasileiro, algumas questões surgem com frequência nos corredores dos escritórios de contabilidade.

Continua após a publicidade

A mais comum, indaga sobre o verdadeiro nível de responsabilidade dos contadores quando se trata de dados pessoais sensíveis.

No entanto, enquanto muitos contabilistas podem se sentir tentados a ignorar ou minimizar a importância da LGPD, a realidade é que não agir sobre essa legislação não é uma opção viável.

Leia também: Contabilidade On-Line: Vantajosa

Com a lei em vigor e multas que podem alcançar valores estratosféricos, os contadores não podem mais deixar a proteção de dados pessoais em segundo plano.

Continua após a publicidade

De acordo com Vinicius Carneiro, advogado especialista em Direito Eletrônico, Controladoria e LGPD, o cerne da questão vai além de meras formalidades legais.

"A segurança de dados tornou-se uma moeda de confiança nos negócios. Os clientes passaram a questionar se seus contadores estão conforme a LGPD, especialmente no que diz respeito aos dados de folha de pagamento. A proteção das informações tornou-se um ativo, que vai além da prestação de serviços contábeis", revela.

Leia também: 10 Dicas De Contabilidade Para Manter A Organização De Sua Empresa

LGPD e a contabilidade

Manter-se segundo a LGPD significa não apenas proporcionar mais segurança às informações, mas também possuir a capacidade de selecionar uma equipe mais especializada e oferecer um serviço contábil atualizado e visionário.

Continua após a publicidade

"Não basta apenas saber sobre a LGPD. É preciso mostrar que medidas adequadas foram tomadas para evitar problemas relacionados aos dados pessoais sensíveis de clientes e colaboradores", pontua.

Para o especialista, os contadores não devem acreditar que essas preocupações são exclusivas das grandes empresas. As mudanças na política de gestão de dados não escolhem tamanhos ou segmentos de mercado.

"Eventualmente, todas as empresas, inclusive os escritórios de contabilidade, sentirão o peso dessas transformações. Perder clientes, ser proibido de tratar dados sensíveis, enfrentar processos por vazamento de informações e arcar com multas milionárias são cenários que ninguém deseja enfrentar", declara.

Carneiro acredita que a LGPD representa um desafio e uma oportunidade para os contabilistas.

"A conta da LGPD vai chegar, e cabe aos contadores decidir se querem estar preparados para enfrentá-la ou serem pegos de surpresa pelo inevitável impacto das mudanças na gestão de dados na era digital. É hora de compreender, agir e garantir que a confiança dos clientes não seja apenas mantida, mas também reforçada. A segurança de dados é mais do que uma tendência. É uma necessidade incontestável", finaliza.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
25°
Tempo limpo

Mín. 16° Máx. 29°

25° Sensação
3.09km/h Vento
44% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h34 Nascer do sol
05h45 Pôr do sol
Dom 30° 17°
Seg 30° 17°
Ter 30° 18°
Qua 29° 17°
Qui 31° 17°
Atualizado às 11h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,10 +0,00%
Euro
R$ 5,56 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,55%
Bitcoin
R$ 362,086,25 +0,05%
Ibovespa
128,150,71 pts -0.1%
Publicidade
Publicidade