14°C 28°C
Uberlândia, MG
Publicidade

É crime! Abrir empresas de fachadas é crime, veja como identificá-las para não cair em golpes.

É crime! Abrir empresas de fachadas é crime, veja como identificá-las para não cair em golpes.

19/01/2024 às 18h27 Atualizada em 19/01/2024 às 21h27
Por: Bia Montes
Compartilhe:
Imagem: freepik
Imagem: freepik

O Brasil registra uma prática crescente em sua economia, a criação de empresas de fachada, sendo feita, quase sempre, com a intenção de lavar dinheiro obtido de forma ilícita.

Essas organizações falsas representam um grande perigo tanto para os seus consumidores quanto para as demais companhias que possam negociar com elas. Afinal, a maioria dos casos resulta em prejuízo financeiro.

Atentar para as características desse tipo de empreendimento, que pode ter lojas físicas ou online, é fundamental para saber como identificá-lo e evitar cair em um golpe.

O que são empresas de fachada?

A empresa de fachada é definida como um empreendimento que existe no campo burocrático e físico, o que significa que ele tem um CNPJ e conta com um espaço físico. Em alguns casos, a companhia também está presente no ambiente online.

A finalidade desse tipo de negócio é fazer a lavagem de dinheiro a partir da mesclagem das práticas legais com atividades ilegais.

Leia também: Lavagem De Dinheiro: Você Sabe O Que É?

Desse modo, a origem dos recursos é ocultada, fazendo com que o dinheiro pareça ser lícito.

Para que isso seja feito, a empresa de fachada emite notas fiscais frias, que servem para declarar a venda de produtos ou prestação de serviços que não aconteceram.

Outra tática bastante utilizada é a realização de contratos que também não existem na realidade.

Qual a diferença entre empresas de fachada e empresas fantasmas?

Embora se pareçam, as empresas de fachada e empresas fantasmas, também chamadas de fictícias, não são o mesmo.

Uma das principais características dos empreendimentos de fachada é ter um espaço físico, enquanto a organização fantasma não tem uma unidade física.

Pode ser que a empresa fictícia até tenha um endereço físico registrado como sede, mas geralmente se trata de uma resistência aleatória, cujo verdadeiro morador nem sequer tem ciência de que existe uma instituição usando o seu endereço.

O seu objetivo também é promover a lavagem de dinheiro por meio da emissão de notas frias e contratos inexistentes.

Leia também: 10 Anos Da Lei Anticorrupção: 95% Das Empresas Brasileiras Apoiam

Há alguns setores do mercado que apresentam uma predisposição maior em ter empresas fantasmas devido ao valor de sua atividade ser difícil de mensurar, como artigos de arte, joias, instituições financeiras e metais preciosos.

Qual é o objetivo desse tipo de atuação?

Uma empresa de fachada é operante, ou seja, mescla o dinheiro obtido em atividades lícitas com o que tem origem em negócios ilícitos. Uma vez que emite notas fiscais frias, o objetivo desse tipo de organização é dissimular o crime de lavagem de dinheiro.

Ao adotar essa prática, o empresário por trás dessa situação chama menos atenção dos órgãos fiscais. Sem falar que o dinheiro ‘’sujo’’ também passa a ser ‘’limpo’’, podendo ser utilizado normalmente, já que a sua origem pode ser justificada para a Receita Federal.

Quais são os riscos envolvidos para consumidores e outras empresas?

A atuação dessas companhias pode causar danos para os consumidores que procuram pelos serviços delas, sem saber que se trata de uma atividade criminosa. As organizações que negociam com elas também são prejudicadas. Veja, a seguir, quais são os riscos gerados por uma empresa de fachada.

Associação criminosa

Para as companhias que negociam com empresas de fachada há o risco de associação criminosa. Caso a organização fraudulenta seja descoberta, dependendo do tipo de parceria estabelecida, quem se associou a ela também pode ser investigado, mesmo que seja inocente.

Esse problema respinga diretamente na imagem dessa companhia, que será afetada no mercado entre os seus consumidores, gerando prejuízos financeiros e morais difíceis de reverter.

Como identificar as empresas de fachada?

Por mais que as empresas de fachada tentem ser discretas, sempre existem algumas características que podem identificá-las como um negócio fraudulento.

Na unidade física, por exemplo, é possível observar poucas mercadorias, a falta de equipamentos que seriam fundamentais para realizar o trabalho prestado e a ausência de funcionários.

Já no campo virtual, a empresa pode ter diversas reclamações de clientes insatisfeitos com os seus serviços.

 Além disso, é fundamental atentar para quem são os seus proprietários e as suas respectivas condutas na sociedade. Com uma pesquisa online, você pode descobrir se essas pessoas já estiveram envolvidas em algum escândalo ou ações suspeitas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
19°
Tempo limpo

Mín. 14° Máx. 28°

18° Sensação
2.06km/h Vento
48% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h45 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Sex 28° 15°
Sáb 28° 15°
Dom 30° 17°
Seg 31° 17°
Ter 31° 18°
Atualizado às 03h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 +0,00%
Euro
R$ 5,86 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,36%
Bitcoin
R$ 380,486,76 +1,25%
Ibovespa
120,261,34 pts 0.53%
Publicidade
Publicidade