17°C 28°C
Uberlândia, MG

Bem-Estar: quando o trabalho se torna um problema

Bem-Estar: quando o trabalho se torna um problema

25/01/2024 às 19h21 Atualizada em 25/01/2024 às 22h21
Por: Bia Montes
Compartilhe:
Imagem: pikisuperstar / freepik
Imagem: pikisuperstar / freepik

O Janeiro Branco é dedicado à conscientização e alerta para os cuidados com a saúde mental e emocional, considerando também a prevenção de doenças decorrentes do estresse do trabalho.  

Continua após a publicidade

Caracterizado pelo esgotamento físico, emocional e estresse causado pelas condições desgastantes do trabalho excessivo, a síndrome de Burnout, desde 2022, é classificada como uma doença ocupacional pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Segundo um estudo feito pela Associação Internacional de Gerenciamento de Estresse, o Brasil é o segundo país com maior número de casos de Burnout diagnosticados, afetando 30% dos trabalhadores.  

Para René Padovani, psicólogo e coordenador de Filantropia da Pró-Saúde, é fundamental estar atento aos primeiros sinais.

Leia também: Tenho Síndrome De Burnout, Posso Solicitar Auxílio-Doença?

Continua após a publicidade

"O ambiente de trabalho pode ser muito competitivo e, frente a isso, a necessidade de se destacar dos demais. O burnout aparece quando ultrapassamos a linha do aceitável do empenho ao trabalho, apresentando o cansaço excessivo, físico e mental, alterações no apetite, insônia etc." alerta. 

Como prevenir o Burnout 

Apesar de ser causada por um estresse crônico no trabalho, a Síndrome de Burnout pode ser evitada e tratada. A prevenção se dá a partir de estratégias que diminuam o estresse e a pressão no trabalho, além de condutas saudáveis indicadas pelo Ministério da Saúde, como: 

• Participar de atividades de lazer com amigos e familiares; 

• Fazer atividades que "fujam" à rotina diária, como passear, comer em restaurante ou ir ao cinema; 

Continua após a publicidade

• Fazer atividades físicas regulares. Pode ser academia, caminhada, corrida, bicicleta, remo, natação etc; 

• Evitar o uso de substâncias que servem como "anestesia" do estresse, como álcool e tabaco;

• Não utilizar remédios sem prescrição médica.

É muito importante buscar profissionais habilitados para tratar da saúde mental, que no caso do Burnout a combinação de psicólogo e psiquiatra podem ser necessários. "Vale lembrar que mudanças nas condições de trabalho, e principalmente, nos hábitos e estilo de são essenciais durante o tratamento", completa o Padovani.  

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
26°
Parcialmente nublado

Mín. 17° Máx. 28°

26° Sensação
2.57km/h Vento
50% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h25 Nascer do sol
05h57 Pôr do sol
Qua 29° 18°
Qui 30° 18°
Sex 29° 18°
Sáb 29° 20°
Dom 29° 21°
Atualizado às 12h36
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,14 -0,55%
Euro
R$ 5,50 -0,14%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,24%
Bitcoin
R$ 363,390,80 +0,32%
Ibovespa
125,381,32 pts -0.15%