17°C 30°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Senado aprova isenção do Imposto de Renda para rendimentos de até R$ 2.824

Entenda como essa medida poderá beneficiar trabalhadores

22/04/2024 às 14h45
Por: Mariana Santos de Freitas Fonte: Redação
Compartilhe:
Senado aprova isenção do Imposto de Renda para rendimentos de até R$ 2.824
Senado aprova isenção do Imposto de Renda para rendimentos de até R$ 2.824

Em um importante passo para aliviar a carga tributária das famílias brasileiras, o Senado Federal aprovou, no dia 17 de abril de 2024, o projeto de lei que eleva a faixa de isenção do Imposto de Renda (IR) para quem recebe até dois salários mínimos por mês, o equivalente a R$ 2.824,00. A medida, que ainda precisa ser sancionada pelo Presidente da República, deve beneficiar cerca de 15 milhões de pessoas, segundo estimativas do governo.

Continua após a publicidade

Um alívio para os trabalhadores:

A aprovação da isenção do IR para quem ganha até R$ 2.824,00 representa um grande ganho para os trabalhadores, que muitas vezes lutam para fazer o orçamento familiar caber no final do mês. Com a nova lei, esses trabalhadores terão mais dinheiro disponível para suprir suas necessidades básicas, como alimentação, moradia e saúde.

Um impacto positivo na economia:

Além de beneficiar diretamente os trabalhadores, a isenção do IR também deve ter um impacto positivo na economia brasileira como um todo. Ao colocar mais dinheiro no bolso das famílias, a medida pode estimular o consumo, impulsionando a atividade econômica e gerando novos empregos.

Detalhes da nova lei:

A isenção do IR para quem ganha até R$ 2.824,00 será feita através de um desconto simplificado de 25% sobre o valor do limite de isenção, no caso, R$ 564,80. Isso significa que, na prática, quem ganha até R$ 2.259,20 por mês não precisará pagar IR sobre esses rendimentos. Já quem ganha entre R$ 2.259,21 e R$ 2.824,00 terá uma redução proporcional no valor do imposto a pagar.

Quando a nova lei entra em vigor?

A nova lei ainda precisa ser sancionada pelo presidente da República. A expectativa é que ela entre em vigor a partir de maio de 2024, mas não terá efeito retroativo, valendo apenas para os rendimentos recebidos a partir de então.

Continua após a publicidade

O que fazer para aproveitar o benefício?

Não é necessário fazer nada para aproveitar o benefício. A isenção será aplicada automaticamente pela Receita Federal na fonte, ou seja, no momento do pagamento do seu salário.

Importante:

  • As informações acima são baseadas na lei aprovada pelo Senado Federal e podem sofrer alterações até a sanção da lei pelo presidente da República.
  • Consulte um contador ou outro profissional especializado para obter informações mais precisas sobre a sua situação fiscal.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
28°
Tempo limpo

Mín. 17° Máx. 30°

27° Sensação
4.63km/h Vento
34% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h35 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Qua 29° 15°
Qui 29° 16°
Sex 30° 18°
Sáb 30° 17°
Dom 30° 16°
Atualizado às 17h07
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,12 +0,37%
Euro
R$ 5,56 +0,38%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,90%
Bitcoin
R$ 380,094,26 +1,06%
Ibovespa
127,411,55 pts -0.27%
Publicidade
Publicidade