16°C 29°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Principais mudanças nas regras de aposentadoria do INSS em 2024

Entenda quais foram as mudanças e como funciona!

15/05/2024 às 10h23
Por: Mariana Santos de Freitas Fonte: Redação
Compartilhe:
Principais mudanças nas regras de aposentadoria do INSS em 2024
Principais mudanças nas regras de aposentadoria do INSS em 2024

Em 2024, o cenário da aposentadoria no Brasil passa por novas transformações com a implementação de ajustes nas regras do INSS. Compreender essas mudanças é crucial para garantir uma aposentadoria tranquila e segura. Neste guia detalhado, desbravaremos as principais alterações, desvendando seus impactos e orientando você sobre como se preparar para alcançar seus objetivos.

Continua após a publicidade

Idade Mínima e Tempo de Contribuição: 

A regra de idade mínima segue em sua trajetória gradual de elevação, exigindo um pouco mais de tempo de trabalho para a conquista da aposentadoria. Em 2024, as mulheres precisarão ter 58 anos e 6 meses de idade, somados a 30 anos de contribuição, enquanto para os homens, a idade requerida é de 63 anos e 6 meses, acompanhados de 35 anos de contribuição.

Para aqueles que desejam se aposentar antes da idade mínima, a regra de pontos entra em cena. Nessa modalidade, a soma da idade e do tempo de contribuição precisa alcançar um determinado valor. Para as mulheres, são necessários 91 pontos, com um mínimo de 30 anos de contribuição. Já para os homens, o valor sobe para 101 pontos, exigindo no mínimo 35 anos de contribuição.

Fórmula 86/96: 

Continua após a publicidade

Uma das grandes novidades de 2024 é a implementação da fórmula 86/96. Essa alternativa oferece a possibilidade de aposentadoria sem idade mínima para mulheres que comprovarem 30 anos de contribuição e homens com 35 anos de contribuição. Essa flexibilidade abre mais opções para aqueles que desejam se aposentar mais cedo, desde que cumpram os requisitos necessários.

Regras de Transição: 

As regras de transição continuam em vigor, oferecendo alternativas para aqueles que já estavam no mercado de trabalho antes da reforma. Entre as opções disponíveis, destacam-se os pedágios de 50% e 100% sobre o tempo restante de contribuição, permitindo maior flexibilidade na escolha do momento ideal para a aposentadoria.

Outras Mudanças Relevantes: 

Continua após a publicidade

As novas regras também trazem alterações importantes para outros tipos de aposentadoria. No caso da aposentadoria especial para pessoas com deficiência, a idade mínima unificada para homens e mulheres passa a ser de 55 anos. Já para a aposentadoria por invalidez, foram implementadas novas regras para a concessão do benefício.

 

Portanto, diante das novas transformações no cenário da aposentadoria no Brasil em 2024, fica claro que compreender e se adaptar às mudanças é essencial para assegurar uma transição tranquila e segura para a fase da aposentadoria. A implementação de ajustes nas regras do INSS traz consigo desafios, mas também abre portas para oportunidades, como a flexibilidade proporcionada pela fórmula 86/96. É fundamental estar atualizado e bem informado sobre essas alterações, buscando orientação para tomar decisões que estejam alinhadas com seus objetivos individuais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
18°
Tempo limpo

Mín. 16° Máx. 29°

18° Sensação
3.6km/h Vento
77% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h36 Nascer do sol
05h43 Pôr do sol
Sáb 29° 17°
Dom 29° 15°
Seg 30° 16°
Ter 28° 15°
Qua 28° 13°
Atualizado às 05h05
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,14 +0,01%
Euro
R$ 5,56 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,36%
Bitcoin
R$ 366,539,06 -0,09%
Ibovespa
124,729,40 pts -0.73%
Publicidade
Publicidade