16°C 29°C
Uberlândia, MG
Publicidade

FGTS: Governo dispensa documentos para saque calamidade

A medida visa facilitar o acesso ao FGTS para os trabalhadores em momentos de dificuldade

16/05/2024 às 12h56
Por: Esther Vasconcelos
Compartilhe:
FGTS Saque Calamidade / Imagem Adobe Stock
FGTS Saque Calamidade / Imagem Adobe Stock

O governo federal, através do Decreto nº 12.019, publicado em 16 de maio de 2024, facilitou o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para os trabalhadores residentes em cidades com até 50.000 habitantes que foram afetadas por situações de emergência ou estado de calamidade pública reconhecidos pelo Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MNDR).

Continua após a publicidade

A principal mudança é a dispensa da documentação comprobatória para o saque do FGTS. Isso significa que os trabalhadores não precisam mais apresentar comprovantes de residência na área afetada, despesas com reparos ou outros documentos que comprovem o dano sofrido.

A Caixa Econômica Federal (CEF) tem até cinco dias úteis a partir da publicação do decreto para definir os novos procedimentos administrativos e operacionais para o saque do FGTS simplificado.

A medida visa facilitar o acesso ao FGTS para os trabalhadores em momentos de dificuldade, permitindo que eles utilizem o saldo do fundo para suprir necessidades emergenciais com mais rapidez e menos burocracia.

Como irá funcionar?

O decreto determina que o titular da conta vinculada, sem meios de comprovar seu endereço residencial, pode fazê-lo através de uma declaração emitida pelo governo municipal ou do Distrito Federal, ou por meio de uma declaração pessoal.

Continua após a publicidade

A responsabilidade de verificar a autenticidade da declaração em registros oficiais do governo federal recai sobre a Caixa Econômica Federal. No dia 3 de maio, a Caixa divulgou que aqueles afetados pela inundação no Rio Grande do Sul poderiam retirar o saldo do FGTS. 

Saque Calamidade

O Saque Calamidade foi disponibilizado para os residentes de municípios que declararam estado de calamidade pública ou situação de emergência, reconhecidos oficialmente por uma portaria do governo federal.

Esta modalidade só pode ser ativada em situações excepcionais. Normalmente, o FGTS pode ser retirado em casos de demissão sem justa causa, quando o trabalhador atinge 70 anos ou no saque-aniversário, que permite a retirada de uma parte do saldo no mês de aniversário do trabalhador.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
18°
Tempo limpo

Mín. 16° Máx. 29°

18° Sensação
3.6km/h Vento
77% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h36 Nascer do sol
05h43 Pôr do sol
Sáb 29° 17°
Dom 29° 15°
Seg 30° 16°
Ter 28° 15°
Qua 28° 13°
Atualizado às 05h05
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,14 +0,01%
Euro
R$ 5,56 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,36%
Bitcoin
R$ 366,006,33 -0,24%
Ibovespa
124,729,40 pts -0.73%
Publicidade
Publicidade