RENAVAM 2023: saiba sua importância e como consultar!

O RENAVAM é um documento de identidade único e obrigatório para qualquer tipo de veículo, sendo exigido pelo Detran para mantê-lo dentro da legalidade

Compartilhe
PUBLICIDADE

Entre tantos documentos e impostos envoltos à posse de um veículo próprio, muitos motoristas podem deixar o RENAVAM passar batido. Sigla para Registro Nacional de Veículos Automotores, ele é de extrema importância para qualquer tipo de automóvel, pois funciona como uma carteira de identidade, então acaba tendo mais peso do que a própria placa. A partir desse número, é possível conferir quaisquer informações a respeito de um carro ou uma moto.

Além de compilar toda a documentação de um veículo, o RENAVAM também carrega informações importantes sobre o histórico daquele automóvel, como modificações, acidentes e furtos. É possível ficar a par de todos os pormenores, incluindo até mesmo cor, chassi – estrutura que dá suporte à carroceria, motor, etc. -, débitos e infrações pendentes.

Por isso que o Detran exige que esse documento esteja sempre atualizado, pois através dele as autoridades conseguem identificar qualquer veículo, sendo muito utilizado por questões de segurança e durante negociações.

Contudo, não são somente as autoridades de trânsito que têm acesso a essas informações. O dono do automóvel também pode consultar os dados do seu veículo livremente, através do portal oficial do Detran referente ao estado onde vive.

No site, é possível encontrar a opção dentro do menu RENAVAM, sendo necessário ter em mãos o número da placa, do chassi ou do próprio documento para conseguir localizar.

O número do RENAVAM de todo veículo pode ser consultado no Certificado de Registro de Licenciamento Veicular (CRLV), um documento que todo motorista recebe após pagar a taxa de licenciamento e quaisquer outros débitos referentes ao automóvel.

Também é possível encontrá-lo no Certificado de Registro do Veículo (CRV), um comprovante de que aquele carro ou moto está devidamente registrado no departamento de trânsito. O código fica posicionado logo acima do nome do proprietário.

A consulta do RENAVAM é essencial na hora de comprar um veículo usado, pois assim é possível garantir que não exista nenhum débito pendente ou até mesmo conferir se o automóvel já passou por uma situação de desvalorização, que, em muitos casos, pode não ser informada pelo proprietário.

Qualquer pendência financeira acaba se tornando uma responsabilidade do novo dono, então essa é uma forma mais segura de fechar negócio, sem correr o risco de levar prejuízos.

Leia também: Venda De Veículos Acumula Alta De 21% No 1º Trimestre De 2023

É válido reforçar que dirigir sem o porte do CRLV pode resultar em infração leve – 3 pontos na CNH – e multa de R$ 88,38, caso o veículo seja parado por uma autoridade. É sempre importante ter o número do RENAVAM em mãos para evitar esse tipo de problema.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação