Demonstrações contábeis: o que são e qual a importância delas?

0

As demonstrações contábeis se referem a documentos que as empresas elaboram ao fim de cada exercício social.

Não se tratam apenas de uma obrigação, mas também são documentos importantes utilizados para que se tenha compreensão da evolução financeira do seu empreendimento, além da situação fiscal do mesmo. 

Ao expressarem os resultados financeiros, são utilizadas visando o desenvolvimentos dos empreendimentos.

Desta forma, é possível tomar decisões assertivas, que possam envolver recursos da empresa com segurança e efetividade. 

Por isso, hoje vamos falar sobre as demonstrações contábeis, quais são elas e porque são necessárias para sua empresa.

Então, se você quer saber mais sobre as demonstrações contábeis, continue acompanhando este artigo. 

Principais demonstrações contábeis

Existem diversas demonstrações contábeis, por isso, vamos destacar as mais importantes. São elas: 

  • Balanço patrimonial: precisa ser feito todos os anos e pode ser realizado em qualquer época. Neste balanço constam os ativos, que são bens, valores, créditos e direitos da empresa, e os passivos, que é o saldo das obrigações devidas.
  • Demonstrações do Fluxo de Caixa: é um relatório que mostra o resultado das movimentações financeiras da organização em um certo período. Pode ser feito diário, semanal, mensal e, inclusive, anual. Neste documento constam as entradas e saídas de recursos da empresa. 
  • Demonstração de Resultados do Exercício: a DRE é um documento que evidencia o resultado da empresa durante determinado período. É emitido anualmente se podem ser feitos em trimestres ou semestres, para acompanhamento dos dados da empresa, destacando as operações, além dos custos registrados durante o período apurado, com um resultado que pode ser de lucro ou prejuízo.
  • Demonstração do Valor Adicionado: o DVA é um relatório onde constam as riquezas geradas pela empresa no período apurado, bem como sua distribuição, estando detalhado a contribuição da organização para o Produto Interno Bruto (PIB) do país e a distribuição dessa riqueza entre empregados, sócios, poder público e outros.
  • Notas explicativas: se tratam de informações que complementam as demonstrações contábeis, como a descrição das práticas contábeis, ajustes, detalhamentos de dívidas e investimentos, dentre outros.

Elaboração 

Designed by @wichayada / Freepik
Designed by @wichayada / Freepik

Antes de começar a elaborar as demonstrações contábeis, é preciso reunir todos os dados da empresa, inclusive atualizações sobre a sua situação financeira, a fim de evitar erros que possam resultar em multas.

Saiba ainda que elas devem ser elaboradas de acordo com critérios e padrões que são estabelecidos por lei. 

De acordo com as Normas Brasileiras de Contabilidade (NBC), as demonstrações contábeis são preparadas e devem ser, posteriormente, apresentadas para usuários externos, tendo como objetivo fornecer informações para a avaliação dos interessados.

Dessa forma, esse público pode os usuários internos que se tratam de pessoas relacionadas à rotina contábil da empresa, podemos citar como exemplo os principais agentes:

  • Administradores;
  • Proprietários, acionistas ou investidores;
  • Contadores e Auditores internos;

Além disso, temos ainda os usuários externos que possuem interesses pelos dados contábeis por vários motivos.

Dentre eles estão: 

  • Governo;
  • Bancos;
  • Fornecedores;
  • Acionistas potenciais;

Desta forma, as demonstrações tomam caráter obrigatório, e não dependem do regime de tributação da sua empresa. 

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por: Samara Arruda