INSS: auxílio-doença pode ser suspenso em operação pente-fino

Agendamento da perícia precisa ser feito até essa sexta-feira

Compartilhe
PUBLICIDADE

Termina nesta sexta-feira, dia 19 de novembro, o prazo que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estabeleceu para suspender o auxílio por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença) de pelo menos 85.191 beneficiários. O motivo é que muitos aposentados e pensionistas não marcaram a perícia médica após a operação pente-fino.

A Operação ocorre periodicamente que tem como foco a realização de perícias em benefícios por incapacidade de longa duração, sendo eles: auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, pensão por morte (dependente maior inválido) e benefício de prestação continuada por deficiência, para verificar se a incapacidade persiste, alterou ou foi cessada.

Saiba mais sobre o tema na leitura a seguir.

Não agendei perícia. O que acontece?

No caso de não atendimento à convocação para agendamento ou de não comparecimento na data agendada, o benefício será suspenso até o comparecimento do interessado.

Após 60 dias da suspensão realizada, a situação do benefício poderá ser convertida em cessação definitiva do benefício.

Onde agendar perícia médica do INSS?

O agendamento pode ser feito pelo site Meu INSS ou por meio de contato telefônico com a Central de teleatendimento, ligando para o número 135, que funciona de segunda a sábado, das 7h às 22h.

Quais documentos necessários?

Na data agendada para a realização da perícia, deverão ser apresentados os documentos pessoais, além de toda a documentação médica que o segurado disponha, tais como laudos com CID, atestados, receitas e exames recentes.

Como saber se estou entre os convocados?

Para verificar se você está entre os convocados é necessário abrir o edital de convocação e procurar pelo seu nome ou número do benefício previdenciário.

Os nomes estão em ordem alfabética e o benefício social está sem qualquer pontuação (apenas números). É importante conferir se o número do benefício é o mesmo do seu para evitar confusão com homônimos (pessoas com nomes iguais). A relação completa dos convocados pode ser consultada no Diário Oficial da União.

Fui convocado para a revisão: o que devo fazer?

Confira abaixo o passo a passo para agendar uma perícia médica pelo Meu INSS:

  • Faça o login no Meu INSS;
  • Clique em “Do que você precisa?”, escreva “Agendar Perícia” e, em seguida, em “Novo Requerimento”;
  • Escolha entre “Perícia Inicial”, se for a primeira vez, ou “Perícia de Prorrogação”, se já estiver em benefício;
  • Siga as orientações que aparecem na tela;
  • Informe os dados necessários para concluir o seu pedido.

Quando sai o resultado da perícia?

O resultado da perícia médica estará disponível para consulta após as 21 horas do dia da perícia no Meu INSS (aplicativo ou site gov.br/meuinss) e pelo telefone 135.

Caso o resultado não esteja disponível depois do prazo, pode ser que haja alguma pendência no benefício. O segurado deve entrar em contato com a Central de Atendimento 135 e, em caso de constatação de pendência no benefício, deverá solicitar, através da Central, o serviço “Acerto pós-perícia”.

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. 

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação

Jornal Contábil