Logística hospitalar eficiente ajuda a fidelizar pacientes!

Saiba como o conceito pode beneficiar clínicas, hospitais, médicos e profissionais da área de saúde

A logística hospitalar é um conceito que possibilita um gerenciamento mais eficiente do estoque de insumos em hospitais, além de gerar uma série de benefícios que podem facilitar a vida de gestores, médicos e pacientes.

Para Éber Feltrim, especialista e consultor de negócios na área da saúde e CEO da SIS Consultoria, ter a organização de um ambiente hospitalar como premissa básica de gestão pode melhorar diretamente o atendimento aos pacientes. “Avaliar os passos e necessidades do paciente se torna o ponto principal para que o desfecho do seu caso seja positivo. Isso significa que um acompanhamento mais preciso irá transformar a experiência do usuário durante o atendimento hospitalar. Adotar medidas para monitorar e controlar as necessidades de exames e medicamentos para o paciente tornam os processos muito mais seguros para ele e rentável para a instituição, já que reduz custos evitáveis. Além de ser mais produtivo para os profissionais, que exercem seu papel com maior precisão”, ensina.

De acordo com o especialista, a integração de setores em uma clínica é parte crucial desse processo de otimização. “Uma clínica bem organizada e integrada garante a satisfação do cliente. Se o médico ou profissional está atrasado dentro da sala, por exemplo, a recepção precisa estar ciente de quanto tempo levará este atraso para encontrar a melhor solução e contornar a situação frente ao paciente. É necessário que todos os setores conversem de forma ampla entre si”, recomenda.

Além de garantir maior organização interna, satisfação da equipe, otimização de processos e melhorar a rentabilidade, um atendimento em que os processos acontecem de forma rápida e eficiente é a principal razão para que os pacientes escolham retornar para determinada clínica ou hospital. “Não só facilita o retorno dessas pessoas, como também faz com que eles indiquem aquela clínica para outros, aumentando o número de pacientes em potencial”, ressalta Feltrim.

O CEO da SIS Consultoria afirma que a gestão de estoque de qualidade é fundamental para alcançar uma logística hospitalar eficiente. “É importante que as clínicas realizem a gestão de mercadorias, insumos médicos e até mesmo itens de papelaria. Registrar o fluxo de entrada e saída de artigos não só melhora a eficiência dos procedimentos, como minimiza a necessidade de investimento desnecessário de capital. Um rigoroso controle desse processo é fundamental para potencializar a rentabilidade de uma organização e reforçar a sua estrutura de negócio”, declara.

Com uma gestão de estoque eficiente é possível:

  • Prever necessidades de compra e reposição;
  • Reduzir a incidência de perdas por roubo ou vencimento dos prazos de validade;
  • Otimizar o espaço físico de armazenamento;
  • Controlar o uso do investimento.

Além de todos os benefícios destacados, um bom sistema de logística hospitalar pode garantir um relacionamento mais estreito entre a clínica e seus fornecedores. “O planejamento logístico tem base em três objetivos, sendo eles redução de custos, investimentos assertivos e a melhoria do serviço. Os fornecedores atuam diretamente nesses 3 pontos, alinhando ainda mais os interesses de ambas as partes”, conceitua.

Para Feltrim, não existe uma fórmula mágica e cada clínica oferece seus próprios desafios para que uma logística eficiente seja implementada. “Não tem um passo a passo definido, já que cada hospital ou clínica é único e tem suas particularidades. Mas deve-se pensar no fluxo interno e externo do seu negócio. Interno trata-se dos processos que os pacientes não enxergam, como o controle de estoque, chegada de materiais, preparação dos leitos e padronização de procedimentos operacionais. Já o fluxo externo é o que o paciente vê, como atendimento, organização do ambiente e identidade visual. A logística hospitalar deve passar por todo este fluxo de forma coerente e harmoniosa”, finaliza.

Por Dr. Éber Feltrim, especialista em gestão de negócios para a área da saúde, começou a sua carreira em Assis (SP).

A SIS Consultoria pertence ao grupo SIS, com sede na cidade de Assis/SP.

Comentários estão fechados.