13°C 26°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Saiba tudo sobre Crédito para Pequenas Empresas

Saiba tudo sobre Crédito para Pequenas Empresas

06/06/2022 às 12h03 Atualizada em 06/06/2022 às 15h03
Por: Ricardo de Freitas
Compartilhe:
Designed by @jcomp / freepik
Designed by @jcomp / freepik

O crédito é essencial para pequenas empresas. Isso permite que eles façam compras, paguem funcionários e gerenciem o fluxo de caixa.

O crédito também oferece uma proteção contra despesas inesperadas. Sem acesso ao crédito, pequenas empresas não conseguiriam sobreviver.

Pincipais Modalidades de Crédito

Confira abaixo as principais linhas de crédito para empresas disponíveis no mercado:

1. Empréstimo com garantia

Entre as modalidades mais comuns estão o empréstimo com garantia de veículo e o empréstimo com garantia de imóvel, também chamado de home equity.

Tendo em vista que o empresário oferece uma garantia de pagamento, as chances de inadimplência diminuem. Dessa forma, é possível oferecer juros mais baixos do que em outras modalidades de empréstimo e prazos mais longos para pagamento. 

2. Financiamentos

O financiamento, diferente do empréstimo, é um crédito cedido com uma finalidade específica e definida em contrato, como a compra de um imóvel, veículo ou equipamentos. As condições do crédito variam de acordo com o agente financeiro, sendo possível financiar de 80% a 100% do bem e o prazo de pagamento pode chegar a até 60 meses. 

Esse tipo de crédito pode ser contratado por empresários de pequeno porte, diretamente em bancos e agentes financeiros especializados. As taxas de juros mensais variam entre 2% e 7% ao mês. Portanto, é sempre válido pesquisar e comparar as condições oferecidas antes de fechar negócio.

3. Crédito para capital de giro

Este tipo de crédito está disponível para atender diversas necessidades das empresas, como o pagamento de salários, fornecedores e aluguel, por exemplo.

Diferentemente do financiamento, neste caso não é necessário explicar a finalidade do empréstimo. Além disso, é possível optar pelo pagamento bimestral, semestral ou integral após o fim do contrato.

No entanto, esse tipo de crédito é indicado para demandas de curto prazo, visto que o prazo médio de parcelamento costuma ser de 12 meses. É possível contratar o crédito diretamente na instituição financeira na qual a empresa possui conta corrente ou em empresas especializadas em crédito empresarial. Em todo caso, é sempre válido comparar as taxas de juros e condições ofertadas.

4. Peer to peer

O Peer to peer (P2P) é uma linha de crédito para empresas que conecta tomadores de crédito a investidores por meio de plataformas digitais. Dessa forma, é possível que investidores que podem ser pessoas físicas ou jurídicas emprestem dinheiro diretamente para a empresa, ou seja, a operação não depende de um agente financeiro.

A verificação do risco consiste em checar o perfil financeiro de quem tomará o empréstimo. Os investidores podem fazer a disponibilização total ou parcial do valor a ser emprestado. Isso permite o compartilhamento do risco da operação.

5. Antecipação de recebíveis

Esta modalidade de empréstimo online permite que a empresa receba os lucros de forma antecipada. O processo costuma ser menos burocrático e é utilizado por empresários que ainda não têm capital de giro. 

Como esse crédito antecipa pagamentos que a empresa já vai receber, os pagamentos em questão funcionam como uma garantia, o que se reflete em juros mais baixos e em um crédito mais barato e acessível. Por outro lado, essa é uma alternativa de curto prazo, indicada para cobrir despesas mais urgentes do negócio.

Para fazer a solicitação, basta procurar um agente financeiro que oferece essa alternativa de crédito. Como bancos, financeiras, factorings (empresas de fomento mercantil), fundos de investimentos em direitos creditórios (Fidc), operadoras de cartão de crédito e fintechs de crédito.

6. Cooperativas de crédito

As cooperativas de crédito oferecem produtos de crédito semelhantes a um agente financeiro comum, como cartões de crédito, financiamentos e empréstimos para capital de giro. Tem com o objetivo de promover o desenvolvimento regional por meio do próprio interesse da comunidade. 

Elas possuem isenção de tributações como CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido), PIS (Programa de Integração Social) e Cofins. Visto que são uma organização sem fins lucrativos, o que garante melhores condições de crédito.

Para garantir o crédito é preciso fazer parte da cooperativa e realizar a compra de uma cota, que costuma ser de aproximadamente 100 reais, bem como participar das decisões em assembleias como sócio.

7. Microcrédito

O microcrédito é uma modalidade de empréstimo para pessoa física ou microempreendedor que pretende abrir ou ampliar um negócio. A modalidade é destinada a empreendedores formais como MEIs (microempreendedores individuais) e pessoas jurídicas e informais, que não têm fácil acesso a empréstimos ou créditos convencionais. Por meio do microcrédito, cada empreendedor pode captar até 20 000 reais (verificar valor)

Entre as vantagens da operação estão as taxas de juros reduzidas, isenção de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) e a facilidade de aprovação. O empreendedor também pode contratar o Microcrédito Produtivo Orientado (MPO).

Disponível para empresas de pequeno porte (EPPs) com faturamento de até 200 000 reais (verificar valor) por ano e microempreendedores individuais (MEIs). Nesse caso, o agente financeiro fornece uma orientação ao empresário sobre o uso consciente do dinheiro, com o foco na ampliação e saúde financeira do negócio.

8. Crédito para empresas BNDES

Entre as linhas de crédito para pequenas empresas estão as opções oferecidas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A BNDES Crédito Pequenas Empresas é vinculada a agentes financeiros credenciados e oferece limite de crédito máximo de 500 000 reais pôr cliente a cada 12 meses, com prazo máximo de até 60 meses e dois anos de carência. A taxa média de juros chega a 1,3% ao mês e inclui a remuneração do BNDES e do agente financeiro envolvido na operação.

O BNDES também oferece um cartão de crédito exclusivo para a compra de máquinas, equipamentos, veículos e outros bens de produção para a empresa diretamente de fornecedores credenciados. O crédito está disponível para micro, pequenas e médias empresas. O financiamento pode ser de até 100% do valor do bem e o prazo de pagamento varia entre 3 a 48 prestações mensais.

9. Investidores-anjo

Para quem busca linhas de crédito para abrir uma empresa, vale a pena recorrer aos investidores-anjo, que são pessoas físicas que investem em empresas com alto potencial de crescimento. Neste tipo de operação, o investidor-anjo — que também pode ser um pequeno grupo de pessoas físicas — recebe uma participação minoritária no empreendimento, entre 5% e 10%. Mais do que dinheiro, os investidores podem contribuir compartilhando experiências e contatos estratégicos.

A organização sem fins lucrativos Anjos do Brasil, por exemplo, oferece oportunidade de aportes entre 100 000 reais e 800 000 reais (verificar valores), Mas, para captar recursos, as empresas devem apresentar produtos ou serviços inovadores, que tenham alto potencial de crescimento e apresentem processos escaláveis.

10. Financiamento coletivo

Outra alternativa para conseguir linha de crédito para uma empresa nova ou para impulsionar um negócio já existente é recorrer ao financiamento coletivo, popularmente conhecido como “vaquinha”. No Brasil, há plataformas online que oferecem esse tipo de serviço. 

Dicas Especiais

Com o aumento da inflação os valores dos empréstimos se tornaram bem mais caros, faça bem as contas e verifique com a empresa de crédito informações sobre as modalidades Pós-Fixadas e Pré-fixadas e possibilidade da prorrogação da primeira parcela.

É importante antes de pedir o empréstimo, analisar se já fez todo o possível para evitar contrair a dívida, como cortar custos na empresa e na vida pessoal, renegociar com fornecedores e até mesmo desfazer de bens.

Procure também fazer cursos de administração financeira e usar softwares ou planilhas de controle, desta forma terá uma visão melhor do seu negócio.

Matéria Produzida pela Redação do Jornal Contábil

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
14°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 26°

13° Sensação
3.6km/h Vento
72% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h46 Nascer do sol
05h51 Pôr do sol
Seg 28° 15°
Ter 28° 15°
Qua 29° 15°
Qui 30° 16°
Sex 31° 17°
Atualizado às 08h05
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 343,760,72 +3,70%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Publicidade