20°C 26°C
Uberlândia, MG

Empresas do Simples Nacional: como segmentar o mercado contábil

Empresas do Simples Nacional: como segmentar o mercado contábil

14/06/2022 às 14h37 Atualizada em 14/06/2022 às 17h37
Por: Ana Luzia Rodrigues
Compartilhe:

Definir o público-alvo é uma das tarefas mais importantes para alcançar o sucesso com uma empresa. No caso de um escritório de contabilidade, é possível aumentar a carteira de clientes por meio dessa estratégia: a segmentação de mercado. O gestor contábil precisa tomar decisões de acordo com a estratégia traçada para o crescimento da sua empresa e o alcance de maior lucratividade.

Continua após a publicidade

Então porque não investir nas empresas do Simples Nacional como estratégia para ampliar a carteira de clientes? A segmentação de mercado, se for implementada corretamente, pode ajudar o negócio a alcançar o sucesso e a fechar novos contratos.

Acompanhe a leitura a seguir e descubra mais.

Qual a importância da segmentação do mercado como estratégia?

Saiba que pode ser uma atitude muito positiva para o escritório contábil. Ao contrário do que parece, focar em um nicho específico não acaba com as chances de crescimento.

Com um atendimento bem estruturado nesse sentido, é possível expandir a sua carteira de clientes de contabilidade e atingir novos objetivos estratégicos. Isso acontece porque ser especializado oferece um destaque em relação aos concorrentes.

Continua após a publicidade

Quando um cliente precisar de um serviço específico, provavelmente dará preferência a quem trabalha exclusivamente com o tema. Afinal, a empresa passa mais credibilidade e experiência no que ele procura.

As organizações enquadradas no regime tributário Simples Nacional, um dos mais adotados em todo o país, se deparam com uma série de obrigações contábeis. Logo, deve-se buscar o apoio de um escritório de contabilidade para empresas do Simples Nacional.

Quais as particularidades do Simples Nacional?

Um dos Regimes Tributários mais adotados em todo o país é o Simples Nacional, uma vez que ele traz consigo uma maior praticidade para as empresas. Ele tem o foco voltado para micro e pequenas empresas, o que inclui também quem atua como Microempreendedor Individual (MEI).

A principal vantagem por trás do Simples Nacional se encontra na redução das burocracias e no valor pago por meio de impostos. Isso porque, a cobrança ocorre de forma unificada, por meio de uma única guia.

Continua após a publicidade

Ou seja, as empresas, ao invés de lidar com diferentes prazos e valores, agora pagam os seus impostos de uma vez só. O que acaba proporcionando uma maior praticidade no momento de efetuar o pagamento.

Quais empresas podem optar pelo Simples Nacional?

Não são todas as empresas que podem optar pelo Simples Nacional como regime tributário. Dentre os fatores que determinam estão o faturamento, porte, atividades, tipo de empresa e sociedade. Veja os requisitos:

  1. Faturamento anual de, no máximo, R$ 4,8 milhões;
  2. Não possuir sócios que residem em outros países;
  3. Ser Microempresa (ME) e Empresa de Pequeno Porte (EPP);
  4. O CNPJ não pode ter participação no capital social de outra empresa;

Por mais que as empresas do Simples Nacional encontrem uma maior praticidade nas suas responsabilidades tributárias, isso não significa que elas não possuem obrigações que devem ser cumpridas.

É o que torna o papel da contabilidade para empresas do Simples Nacional tão relevante. 

Quais são as principais rotinas contábeis nas empresas do Simples Nacional?

Apesar da baixa complexidade, empresas do Simples Nacional têm suas obrigações que devem ser seguidas pela contabilidade.

Mesmo que o recolhimento de impostos seja feito por meio de uma guia e entregue uma vez (DAS), as empresas do Simples também precisam enviar algumas obrigações acessórias para os órgãos de fiscalização. Se não cumprir, haverá penalidades. Veja:

1. Emissão de notas fiscais

Uma das principais rotinas contábeis de uma empresa optante pelo Simples Nacional é a emissão de notas fiscais. Devem ser emitidas, de forma obrigatória, após cada transação comercial feita.

Há três opções distintas de notas fiscais: NF-e (Nota Fiscal Eletrônica), NFS-e (Nota Fiscal de Serviços Eletrônica) e NFC-e (Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica).

Quando uma empresa não faz a emissão de suas notas fiscais, ela pode se deparar com alguns problemas. Logo, diante de tantas responsabilidades na gestão empresarial, o contador pode se encarregar de lidar com esta obrigação.

2. Escrituração fiscal e contábil

A escrituração fiscal e contábil também cumpre um papel de suma importância na gestão de uma empresa do Simples Nacional.

Desta maneira, uma das responsabilidades do contador é manter o registro e controle dos livros utilizados na gestão fiscal de uma empresa, como o Livro Caixa, Livro Registro de Inventário, Livro Registro de Entradas e Livro de Serviços Prestados e Tomados.

3. Emissão e pagamento do DAS

A contabilidade para empresas do Simples Nacional também atuam no processo de recolhimento de impostos. Mensalmente, é necessário fazer a emissão do DAS (Documento de Arrecadação Simplificada), efetuando assim o seu pagamento.

Além disso, o contador também deverá atuar em outras obrigações, como o envio de informações por meio do eSocial e das declarações mensais e anuais referentes à realidade financeira e fiscal de uma empresa.

Conclusão

Ao optar pela segmentação, uma empresa de contabilidade pode se tornar uma grande autoridade para aquele nicho de mercado, seja por atividade ou regime de tributação. Neste pensamento, o escritório de contabilidade pode se tornar uma referência no assunto.

Assim acontece para quem opta segmentar pelo regime de tributação do Simples Nacional. É uma estratégia onde todo o seu tempo e da sua equipe estará dedicado a atender clientes desse segmento e a estudar todo conteúdo que está relacionado às empresas que fizeram essa opção.

Portanto, optar por essa estratégia pode ser uma excelente opção para o seu escritório de contabilidade. É uma opção a ser estudada.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
22°
Parcialmente nublado

Mín. 20° Máx. 26°

22° Sensação
2.06km/h Vento
78% Umidade
100% (10.23mm) Chance de chuva
06h23 Nascer do sol
06h00 Pôr do sol
Sex 28° 18°
Sáb 28° 20°
Dom 27° 20°
Seg 27° 20°
Ter 28° 18°
Atualizado às 21h51
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,24 -0,03%
Euro
R$ 5,58 -0,07%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,43%
Bitcoin
R$ 334,537,51 -5,14%
Ibovespa
124,196,18 pts 0.02%