18°C 27°C
Uberlândia, MG

Inglês fluente pode garantir salários 83% mais altos nas empresas

Inglês fluente pode garantir salários 83% mais altos nas empresas

15/02/2023 às 12h44 Atualizada em 15/02/2023 às 15h44
Por: Vanessa Marques
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Você já deve ter escutado que há muito tempo o inglês deixou de ser um diferencial e se tornou pré-requisito em muitas vagas de emprego. E não estamos falando apenas de postos gerenciais ou de direção: mesmo para cargos hierarquicamente mais baixos, é comum que o idioma conste na lista de habilidades exigidas do candidato. 

Continua após a publicidade

O que talvez você não saiba é que o domínio da língua pode não apenas ajudar a conquistar o emprego dos sonhos, como garantir um aumento real de salário. É o que mostra uma pesquisa da plataforma Catho realizada em 2022. O estudo mostra que profissionais que dominam o inglês podem receber até 83% a mais que colegas na mesma posição.

Dependendo da função exercida, esse aumento pode chegar a 118%. É o caso de consultores e lideranças (coordenador, supervisor ou diretor). No caso das funções assistentes e auxiliares, segundo a Catho, o aumento salarial pode chegar a 63%. 

A título de comparação, a mesma pesquisa realizada pela empresa em 2017 apontava um aumento de 38% e, na edição de 2021, de 83%. Ou seja, ao longo de 4 anos, houve um crescimento de 80 pontos percentuais na média dos cargos analisados pelo levantamento. O que nos leva a concluir que dominar o inglês nunca foi tão importante no mercado de trabalho. 

Ainda assim, apenas 3% dos profissionais brasileiros são considerados fluentes. O número ajuda a entender porque aqueles que falam a língua são tão valorizados pelas companhias. 

Continua após a publicidade

O trabalho remoto, impulsionado em grande parte pela pandemia, abriu para os profissionais a oportunidade de trabalhar em empresas de todos os cantos do planeta – ganhando em dólar ou euro – sem sair do Brasil. Áreas como TI, programação, marketing e comércio exterior estão em alta, e muitos headhunters de multinacionais procuram talentos brasileiros para ocupar essas vagas. 

Leia também: Inglês e Espanhol estão entre os idiomas mais procurados para estudar

Inglês nas empresas e as chances de crescimento profissional 

Se você tem planos de crescer na carreira e/ou trabalhar em uma multinacional, falar inglês é tão (ou mais) importante quanto cursos técnicos na sua área. Como mencionamos acima, muitas empresas estrangeiras buscam trabalhadores brasileiros para ocupar cargos remotos em times formados por profissionais espalhados pelo mundo.  

Nesse cenário, o inglês certamente será o idioma oficial de reuniões, apresentações e todo tipo de interação entre os colegas. Segundo a empresa de recrutamento Hays, a língua é a mais requisitada na comunicação interna das empresas (91%), seguida do espanhol (42%). Mas essa não é a única vantagem de entender o idioma de Shakespeare.

Continua após a publicidade

Aprendizado de inglês nas empresas 

Você deve estar pensando que, para dominar a língua no nível que as empresas exigem, vai precisar passar um tempo fora do país. A boa notícia é que existem outras maneiras mais fáceis e acessíveis de fazer isso!

Hoje há uma oferta enorme de cursos voltados especificamente para o ambiente corporativo que ajudam quem precisa falar inglês de forma objetiva e rápida. A escola de idiomas Berlitz, por exemplo, oferece uma série de serviços corporativos para empresas que desejam capacitar seus funcionários.

Chamado de Berlitz On Demand, a plataforma utiliza do conhecido método Berlitz para fornecer treinamento em escala para grandes grupos de colaboradores. No formato presencial ou online (ou ambos, dependendo da necessidade da companhia), o curso é formatado de acordo com os objetivos de negócios, tornando o aprendizado mais fluido e interessante. 

“Sabemos que entender o contexto em que o idioma será utilizado é tão importante quanto aprender a gramática, por isso combinamos uma série de atividades práticas que simulam situações reais”, explica Marco Silveira, CEO da escola Berlitz.

Para isso, vídeos interativos com instrutores são disponibilizados em uma plataforma, bem como relatórios de progresso dos alunos. Pelo portal My Berlitz, os colaboradores têm acesso aos materiais 24 horas por dia, sete dias por semana, e podem ditar o ritmo em que querem estudar, encaixando as aulas de acordo com sua disponibilidade.

O número de profissionais que participarão do curso também é flexível, podendo ir de uma área específica até toda a empresa. Processos de nivelamento online garantem que as turmas sejam formadas de acordo com as necessidades de cada uma. Além do inglês, idiomas como alemão e espanhol também estão disponíveis na modalidade. 

“Dominar um segundo idioma deixou de ser diferencial e é considerado habilidade básica para os recrutadores. Candidatos que conseguem, de fato, se comunicar em inglês, são cada vez mais requisitados e, certamente, largam na frente na disputa por uma vaga”, conclui o executivo. 

Leia também: Inglês para vestibular: Veja dicas para gabaritar a prova!

Vantagens de se falar inglês nas empresas 

As vantagens de dominar um segundo idioma no ambiente corporativo são muitas (e falaremos mais sobre elas adiante): acesso a fontes de estudo e informação estrangeiras, viagens internacionais, maior possibilidade de promoção, contato com colegas de outros países e um leque mais amplo de oportunidades de trabalho.

Salários até 83% maiores são certamente o principal atrativo para quem ainda tem dúvidas se vale a pena investir em um curso de inglês. Outros pontos importantes, porém, também devem ser levados em conta por quem tem planos de crescer na carreira. Por exemplo: 

Maiores chances de conseguir novas oportunidades 

Como vimos, falar inglês nas empresas deixou de ser um diferencial para se tornar um requisito obrigatório em muitos postos de trabalho. Independentemente de sua área de atuação e de seu nível de senioridade, é muito provável que as melhores vagas exijam inglês fluente ou, ao menos, avançado. 

Além disso, dominar um segundo idioma também demonstra para o recrutador que o candidato se preocupa em se aperfeiçoar e continuar aprendendo – um traço comportamental que as empresas valorizam muito. 

Possibilidade de promoção 

Você almeja um cargo melhor e um salário mais alto? Esse combo certamente vem acompanhado de novas responsabilidades e de um maior networking com colegas de outras áreas da empresa – inclusive de fora do país. Quem fala apenas o português restringe sua comunicação e, consequentemente, as chances de ser visto como um potencial candidato a ocupar postos mais importantes. 

Viagens internacionais

Essa nem precisa de muita explicação, né? Seja para uma reunião fora do país ou para voos mais altos, como trabalhar por um período na sede da companhia, por exemplo, o domínio do inglês é decisivo. 

Ainda que você não trabalhe em uma multinacional, as chances de precisar conversar com um cliente estrangeiro ou de participar de um evento da área fora do país são grandes. E, entre um colaborador que fala inglês fluentemente e outro que que arrisca apenas o básico, adivinhe para quem a companhia vai entregar essa oportunidade.

Matéria escrita pela equipe Berlitz Brasil.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
17°
Tempo limpo

Mín. 18° Máx. 27°

17° Sensação
2.87km/h Vento
89% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h24 Nascer do sol
05h58 Pôr do sol
Seg 27° 17°
Ter 28° 20°
Qua 29° 21°
Qui 29° 18°
Sex 29° 17°
Atualizado às 04h08
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,20 +0,00%
Euro
R$ 5,55 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,55%
Bitcoin
R$ 358,704,55 +1,02%
Ibovespa
125,124,30 pts 0.75%