Como conseguir crédito em até R$ 100 mil estando com o nome sujo?

0

Estar com o nome sujo é algo complicado, principalmente na hora de pedir um empréstimo numa instituição financeira. Dificilmente que está com o nome negativado conseguirá o crédito.

Foto: Marcelo Casal Jr./Agência Brasil
Moeda Nacional, Real, Dinheiro, notas de real / Foto: Marcelo Casal Jr./Agência Brasil

Para as pessoas com o nome sujo e sem expectativa, a Caixa Econômica Federal está oferecendo uma modalidade de crédito para quem está negativado no SPC/Serasa.

A forma do banco oferecer um crédito para quem está negativado é emprestar o valor necessitado em troca de uma hipoteca de algum bem valioso equivalente ao dinheiro que foi liberado, ou seja, é uma garantia para que o banco tenha certeza que o solicitante irá pagar a dívida.

Este empréstimo poderá chegar até R$ 100 mil. Outra garantia que o banco permite que seja usado para o empréstimo, é o saldo atual do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

É bom saber que o banco raramente tem prejuízo ao oferecer está possibilidade de crédito.

Nesta modalidade, mesmo estando negativado ou com o score no Serasa no vermelho, será mais fácil ter um pedido de crédito aprovado.

Como funciona o empréstimo?

Os valores de empréstimo nesta categoria vai variar conforme o bem que será penhorado, podendo chegar até R$ 100 mil. A Caixa disponibiliza quantias, com base em 85% sob o valor do que foi ofertado como garantia.

Veja o que você pode penhorar para conseguir um empréstimo na Caixa Econômica:

  • Metais Preciosos (ouro, prata…);
  • Jóias de ouro (em até 12 quilates);
  • Pratarias;
  • Pérolas;
  • Relógios de alto valor;
  • Canetas valiosas; 
  • Etc.

Mas, fique atento, penhorando um bem de valor para ter acesso a um empréstimo na Caixa, será necessário que você pague as mensalidades em dia, ao não quitar o débito, o bem que você penhorou será leiloado.

Para quem não tem bens valiosos para disponibilizar como garantia, a Caixa irá permitir que você use o seu saldo no FGTS como garantia para ter o empréstimo liberado. Sendo que só é possível utilizar até 10% do valor presente na conta do fundo, ou 40% em casos de demissão sem justa causa.

No momento que você escolhe o FGTS como garantia, e deixa de pagar as mensalidades, o banco vai tirar direto do fundo, o valor correspondente à dívida.

Como solicitar?

Quem deseja requerer o empréstimo, é recomendado entrar em contato com a Caixa para saber mais detalhes.

  • Para você solicitar o empréstimo poderá Se dirigir à alguma agência da Caixa Econômica;
  • Levar em sua posse os bens que deseja colocar como garantia;
  • Apresentar RG, CPF e comprovante de residência;
  • Será feito uma análise do valor do bem ofertado como penhor;
  • Escolha junto ao banco o prazo de contrato;
  • Ao ter o crédito aprovado, você irá solicitar a emissão do boleto nos terminais de autoatendimento da Caixa Econômica Federal ou pelo número 0800 726 8068;
  • Você escolhendo realizar o processo, usando o seu saldo do FGTS como garantia, vai precisar entrar em contato com o departamento pessoal (DP) ou Recursos Humanos da empresa onde trabalha para saber se ela tem convênio com a Caixa.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil