INSS começa a pagar R$ 1.100 aos segurados a partir de segunda

Os segurados do INSS começam a receber R$ 1.100 já na próxima semana, confira as datas

A partir da próxima segunda-feira (25) o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começa a pagar o benefício da folha de outubro aos segurados que recebem um salário mínimo. O cronograma de pagamento do Instituto é dividido em dois, sendo o primeiro deles para os segurados que recebem um salário mínimo e um segundo para aqueles que ganham acima do piso nacional.

Ordem de pagamentos

A folha de pagamentos de outubro do INSS se inicia na segunda-feira (25) para quem ganha R$ 1.100 e somente no dia 1º de novembro para os segurados que recebem acima de um salário mínimo, mesmo que poucos reais acima. Contudo, em ambos os casos o pagamento será finalizado no dia 8 de novembro.

O pagamento do benefício mensal é definido conforme o último número do NIS sem considerar o digito. Por exemplo, um segurado com o NIS 111.111.111-0, basta desconsiderar o 0 (dígito) e assim o número final e ordem de pagamento será de NIS 1.

Calendário de pagamentos

Confira as datas de pagamento para quem recebe um salário mínimo:

  • NIS final 1: Recebem dia 25 de outubro;
  • NIS final 2: Recebem dia 26 de outubro;
  • NIS final 3: Recebem dia 27 de outubro;
  • NIS final 4: Recebem dia 28 de outubro;
  • NIS final 5: Recebem dia 29 de outubro;
  • NIS final 6: Recebem dia 1º de novembro;
  • NIS final 7: Recebem dia 3 de novembro;
  • NIS final 8: Recebem dia 4 de novembro;
  • NIS final 9: Recebem dia 5 de novembro;
  • NIS final 0: Recebem dia 8 de novembro.

Confira as datas de pagamento para quem recebe mais de um salário mínimo:

  • NIS final 1 e 6: Recebem dia 1º de novembro;
  • NIS final 2 e 7: Recebem dia 3 de novembro;
  • NIS final 3 e 8: Recebem dia 4 de novembro;
  • NIS final 4 e 9: Recebem dia 5 de novembro;
  • NIS final 5 e 0: Recebem dia 8 de novembro;

Como as datas são definidas?

Normalmente a definição quanto as datas de pagamento do benefício do INSS é influenciada por alguns fatores específicos, sendo eles o valor do benefício e o número final do benefício, assim, conforme as datas do calendário definido pelo INSS.

A programação das datas não é mensal como muitos segurados pensão, isso porque o INSS determina anualmente o calendário de pagamentos, geralmente no mês de dezembro. No mais, o Instituto habitualmente antecipa a folha de pagamentos, sendo o mês de janeiro, por exemplo, pago entre os cinco últimos dias úteis de dezembro.

O que fazer se o meu pagamento não cair na data?

Normalmente o calendário de pagamentos é finalizado até o quinto dia útil de cada mês, conforme o calendário definido pelo INSS. Porém, eventuais atrasos podem ocorrer, ou ainda pode ocorrer a suspensão temporária do benefício, como no caso daqueles que são obrigados a realizar a prova de vida, mas não fazem na data estipulada.

Assim, o segurado que por ventura não receba o pagamento na data marcada deverá buscar informações sobre o porquê do benefício não ter sido pago. Normalmente ao acessar a plataforma Meu INSS será possível identificar o motivo pelo qual o benefício não foi pago ao segurado.

Comentários estão fechados.