MEI: Após efetivar a formalização é possível alterar meus dados?

0

Se você é um Microempreendedor Individual (MEI) e precisou mudar de endereço, telefone ou algum outro dado, saiba que é essencial manter o registro atualizado para garantir a regularidade de sua empresa.

Para te ajudar, preparamos esse artigo para tirar suas dúvidas sobre a alteração das informações do seu empreendimento e como esse procedimento deve ser feito.

Primeiro, veja os dados que podem ser alterados: 

  • Documento de identidade;
  • Telefones para contato; 
  • E-mail;
  • Nome fantasia;
  • Capital social; 
  • Ocupações; 
  • Forma de atuação; 
  • Endereços comercial ou residencial.

Alteração de dados 

Depois de efetivada a formalização, o MEI poderá realizar alteração de dados diretamente no Portal do Empreendedor, sem qualquer custo.

Para isso, acesse a aba “Atualize seus Dados” e, depois, escolha a opção “Alterar Dados”.

Feito isso, preencha o formulário com os novos dados e clique em “Continuar”. 

Na mensagem de confirmação, clique no botão Certificado para gerar o Certificado da Condição do Microempreendedor Individual (CCMEI) atualizado.

Esse é o documento que certifica que a sua empresa está aberta e comprova a sua inscrição no CNPJ e Junta Comercial do seu Estado, além de valer como alvará de funcionamento do seu negócio.

Atividade Econômicas

Outra dúvida está relacionada à alteração na atividade desenvolvida pelo MEI, então, saiba que a qualquer momento também é possível fazer essa alteração, seja a atividade principal ou secundária.

Para isso, também é necessário acessar seu cadastro MEI.

Depois, acesse novamente a opção “Atualize seus Dados”, na opção “Solicitar” e escolha o código CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) que deseja registrar em seu cadastro. 

Nos casos em que a atividade desenvolvida deixa de ser permitida ao MEI, o empreendedor precisa efetuar o seu desenquadramento no referido sistema.

Porém, se o empreendedor não realizar essa alteração, o desenquadramento será de ofício devido ao exercício de ocupação não permitida. 

Mas se o MEI deseja parar de exercer a atividade que passou a ser impedida, com desejo de mudar para alguma outra atividade permitida no rol das ocupações da categoria, também deve providenciar uma alteração para excluir a atividade impedida e incluir a nova atividade permitida.

São mais de 400 atividades que podem ser escolhidas pelo empreendedor que se formaliza na categoria. 

Designed by Flamingo Images / shutterstock
Designed by Flamingo Images / shutterstock

Mudança de cidade/estado

Além das alterações que citamos acima, o MEI com sede em uma unidade federativa (UF) poderá se transferir para outra, através de um processo de alteração de dados pelo Portal do Empreendedor.  

Antes de pedir a transferência, é preciso fazer uma consulta prévia para verificar se suas atividades possuem alguma exigência para o novo endereço, pois a regulamentação de Uso e Ocupação de Solo é diferente para cada município.

Quanto ao número do CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica), em todo o processo de alteração, não existe mudança de numeração, permanecendo o mesmo.

Vantagens 

Ao formalizar sua profissão, manter seus dados em dia e fazer as contribuições mensais da categoria, o MEI pode contar com certas vantagens.

Dentre elas está a emissão de notas fiscais e o acesso facilitado a ferramentas, que podem ajudar no desenvolvimento do empreendimento, como por exemplo, o acesso a empréstimos, financiamentos e cartões de crédito. 

Além disso, o empreendedor também pode contratar um funcionário para auxiliar na rotina da empresa.

É importante saber também que o MEI e seus dependentes têm acesso à cobertura previdenciária, ou seja, em caso de necessidade podem solicitar benefícios que são pagos pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Veja os benefícios oferecidos:  

  • salário-maternidade, 
  • auxílio-doença, 
  • auxílio-reclusão, 
  • pensão por morte, 
  • aposentadoria por invalidez 
  • aposentadoria por idade

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por Samara Arruda