Retificar a Dirf 2018? Saiba como e quando fazer a correção

A Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte é uma obrigação que as empresas devem entregar todos os anos para a Secretaria da Receita Federal. O prazo final para entregá-la está chegando: 28 de fevereiro é o último dia!

Bom, como você já sabe, o preenchimento dessa Declaração é uma obrigação do contador. Mas, muitas vezes os seus clientes podem mandar informações erradas ou você mesmo pode acabar cometendo algum erro.

Por isso, a Receita Federal do Brasil (RFB) permite a retificação da Declaração. Mas você sabe como fazer isso? No artigo de hoje, vamos te mostrar como retificar a Dirf e como um software de gestão contábil pode te ajudar nessa tarefa. Não perca tempo e continue a leitura!

Quando você deve retificar a Dirf?

Quando a entrega da Declaração é feita pelo Receitanet, você pode acompanhar o status da obrigação pelo Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) com a assinatura digital da empresa do seu cliente. Se aparecer o status “Rejeitada”, quer dizer que a Dirf possui algum erro e precisa ser retificada!

Como fazer a retificação?

Se a Declaração do seu cliente foi rejeitada, é hora de fazer a retificação! Para isso você deve usar o mesmo sistema por onde a Declaração original foi criada, o Programa Gerador da Declaração.

Quando você acessar o programa, vai encontrar a ficha do contribuinte. Lá você vai se deparar com a pergunta “Que tipo de declaração você deseja fazer?” e, então, é só clicar na opção “Declaração Retificadora”. Você vai precisar informar o número do recibo da Declaração original – a primeira versão enviada.

E se você tiver perdido o número do recibo?

Se o número do recibo foi perdido, mas você ainda tiver a Declaração gravada para a entrega à Receita Federal, basta ir na opção “Declaração – Imprimir/Recibo de Entrega”.

Caso você não tenha mais a Declaração gravada para a entrega, mas ainda tem os dados salvos no programa, fique calmo! É só gravar a Dirf novamente e transmitir, com os mesmos dados. Assim o número de recibo será recuperado.

Se nenhuma das opções acima der certo, você vai precisar procurar o posto da Receita Federal mais próximo e solicitar o número.

Como recuperar os dados da Dirf original?

Se você não tem mais a Dirf gravada para a entrega e precisa retificá-la, vai ter que recuperar a cópia de segurança. Para isso, você vai ter que usar o Programa Gerador de Declarações (PGD) do ano em que a cópia foi criada. Se isso aconteceu em 2015, por exemplo, você usa o PGD Dirf 2015.

Você vai precisar restaurar a cópia seguindo os seguintes passos:

  1. Selecione o menu “Ferramentas”;
  2. Clique em “Cópia de Segurança”;
  3. Selecione “Restaurar”.

Depois disso, você vai gravar de novo a Dirf:

  • Selecione o menu “Declaração”;
  • Clique em “Gravar a Declaração para a entrega à RFB”.

Com a Dirf gravada, você faz a importação para o PGD Dirf 2018 e está pronto para retificá-la!

Até quando você pode retificar a Dirf?

O prazo máximo para retificar a Dirf é de até 5 anos! A Declaração retificadora pode ser feita a qualquer momento, desde que a empresa do seu cliente não tenha sido autuada pela Receita Federal ou chamada para dar explicações. Nesses casos a empresa perde o direito da correção.

Fique atento ao status da Declaração para que você consiga retificar a Dirf o mais rápido possível. Assim, você evita multas para o seu cliente e prejuízos para o escritório em que trabalha. E lembre-se que a Declaração retificadora vai substituir integralmente a Dirf anterior. Por isso é preciso ficar atento a todas as informações, não apenas as que serão incluídas, alteradas ou até mesmo excluídas da obrigação.

Via Mastermaq

Comente no Facebook

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

Anúncios

DEIXE UMA RESPOSTA

Coloque seu comentpario
Coloque o seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.