A revisão de aposentadoria é para que o INSS reveja o ato de concessão do benefício, o prazo para o aposentado solicitar esta revisão é 10 anos após o primeiro pagamento da aposentadoria ou pensão.

O que muitos brasileiros não sabem é que agora esse pedido de revisão de aposentadoria pode ser feito pela internet no meu INSS. 

Como fazer o pedido de revisão?

É simples se for presencial, o primeiro passo é ligar na central de atendimento 135 e optar pelo serviço de Revisão de Aposentadoria ou Benefício. 

Escolhido o serviço, será informada uma data para levar os documentos na agência e, assim efetivar o requerimento.

Se for pelo meu INSS, a página inicial terá a opção SERVIÇO EM DESTAQUE 

Logo aparecerão as seguintes opções:

  1. Clique em AGENDAMENTOS/ SOLICITAÇÕES e aparecerá uma tela com a seguinte opção NOVO REQUERIMENTO no canto inferior.
  2. Logo será mostrada uma lista de serviços disponíveis. Você deverá escolher a opção “RECURSO E REVISÃO” e depois clicar em ‘REVISÃO’
  3. Caso apareça uma aba pedindo para atualizar informações cadastrais, dados pessoais em geral, é importante que as informações estejam corretas, sem erros ortográficos, porque às vezes errinhos bobos podem atrapalhar a conquista da aposentadoria.
  4. Logo depois você vai clicar em AVANÇAR e aparecera a seguinte mensagem “ao protocolar o pedido de revisão todo o benefício será revisto, podendo resultar em diminuição ou até mesmo perda do direito” sendo assim ao avançar, você estará ciente e de acordo com essas condições.
  5. Em seguida será mostrada outra janela, com informações gerais sobre o atendimento à distância, você deve clicar em avançar e será mostrada a página com suas informações, dados adicionais e anexos.
  6. Logo aparecerá uma pergunta ‘você aceita acompanhar o andamento do processo pelo MEU INSS, central 135 ou e-mail? Nesta opção você marcara como SIM.
Revisão de aposentadoria

Quais documentos essenciais para o pedido de revisão?

  • Documentos de identificação (RG com CPF, se não tiver o CPF no RG, precisará da carteirinha do CPF ou pode usar a carteira Nacional de Habilitação (CNH)
  • Comprovante de residência atualizado, a fim de evitar fraudes;
  • Formulários previdenciários. DSS-8030, SB-40, PPP, caso existam períodos insalubres não considerados que possam aumentar o tempo de contribuição.
  • Documentos rurais, certidões de nascimento, compra e venda de propriedade rural, filiação com sindicato de trabalhadores rurais, comprovante de matrícula em escola rural, boletins escolares, entre outros, em caso de período rural não reconhecido;

O que fazer depois do pedido?

Depois de realizado o pedido de revisão, é importante ficar atento para as cartas de exigência do INSS ou o resultado final.

Essas cartas de exigência são meios que o INSS usa quando percebe que estão faltando documentos para análise do seu requerimento.

Caso falte algum documento você terá o prazo de 30 dias para cumprir com os documentos que faltam.

Sendo assim concluímos que para você fazer seu pedido de revisão pode ser presencial pelo INSS, ou pelo Site MEU INSS, é sempre bom dar uma conferida no seu benefício, buscar auxilio, muitos brasileiros recebem aposentadoria em valores menores do que deveriam receber, por isso é sempre bom estar atento.

Dica extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática: Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise.

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.