Área de Tecnologia tem o pagamento mais Desigual entre gêneros

Consultoria analisou 759 empresas brasileiras em sua Pesquisa de Remuneração Total em 2021; diferença salarial entre os gêneros no setor de alta tecnologia chega a 36%

A Pesquisa de Remuneração Total (TRS, na sigla em inglês) da Mercer publicada em 2021 traz indicativos de como será a dinâmica do mercado de trabalho no pós-pandemia e detecta algumas discrepâncias de gênero ainda existentes no mundo corporativo. A consultoria analisou 30 mil empresas no mundo inteiro, dentre as quais 759 no Brasil. De acordo com o levantamento, no nível de executivos a disparidade salarial chega a 36%, índice atingido pela indústria de alta tecnologia.

Em segundo lugar no ranking das indústrias que possuem maior diferença entre salários de homens e mulheres, está a indústria de energia (29%) e depois a de Life Sciences (28%). No nível de gerentes a disparidade é menor, sendo liderada pela indústria de energia (11%), seguida pelo segmento de agronegócios (7%) e alta tecnologia (7%). Esse patamar se mantém quando analisados os cargos de base — profissionais e operacionais.

Nos postos de liderança executiva, as mulheres ocupam 2 entre 8 “cadeiras” disponíveis, sendo que as áreas mais desiguais são: atendimento, estratégia digital e finanças. As menos desiguais são as de RH, jurídico e marketing.

Estratégias de remuneração

A Pesquisa de Remuneração Total tem por objetivo ajudar as empresas a definir a melhor estratégia de remuneração e das políticas de Recursos Humanos em geral e, assim, se adaptar com agilidade e embasamento confiável às novas realidades. Realizada anualmente, abrange indústrias com significativa representatividade global e local, tais quais Manufatura, Bens de Consumo, Alta Tecnologia, Life Sciences, Varejo e Atacado. Este ano, o número de organizações brasileiras participantes foi 5% maior do que no ano anterior, abrangendo mais de 900 mil profissionais de todos os setores econômicos.

Mercer acredita na construção de um futuro brilhante, redefinindo o mundo do trabalho, remodelando a aposentadoria e os resultados dos investimentos e proporcionando saúde e bem-estar reais. São aproximadamente 25.000 funcionários da Mercer, que estão baseados em 43 países e com operação em mais de 130 países.

Comentários estão fechados.