Bolsa Família substituto do auxílio tem fila de espera de quase 1 milhão

0

O programa social Bolsa Família vai retornar a ser pago em 2021. O retorno do Bolsa Família foi a alternativa ideal encontrada pelo governo federal após o fim do auxílio emergencial no final de dezembro, tendo em vista que a criação do Renda Cidadã que era a proposta do governo não terá continuidade.

No Brasil aproximadamente 14 milhões de brasileiros recebem o Bolsa Família o que gera um orçamento de R$ 29 bilhões para os cofres públicos, contudo, para 2021 a ideia é contemplar mais famílias que estão dependendo do programa emergencial e a previsão do governo é de um orçamento de R$ 35 bilhões para o ano que vem.

Fontes ligadas ao governo afirmam que para a ampliação da margem do orçamento, será necessário reformar o compromisso com a disciplina fiscal. Além da inclusão de mais famílias o que aumentará o orçamento do benefício para o ano seguinte.

Foto: Jefferson Rudy / Agência Senado
Foto: Jefferson Rudy / Agência Senado

Bolsa Família tem fila de quase um milhão

O número de cidadãos a espera de serem incluídos no Bolsa Família voltou a crescer e a marca já se aproxima de um milhão de famílias. Até o momento o número exato de brasileiros aguardando aprovação no benefício social conta com 999.673 famílias que atendem aos requisitos para a concessão do benefício. Os números foram obtidos pelo Globo através da Lei de Acesso à Informação.

Num momento onde o governo descarta a prorrogação do auxílio emergencial apostando na manutenção do Bolsa Família para 2021 esse número tende a ser ainda maior.

É importante lembrar que essas famílias que hoje podem estar recebendo o auxílio emergencial, após o fim do benefício emergencial não estão garantidas para integrar o Bolsa Família a partir de 2021.