Concurso do TJ-SP: 30 vagas para contadores

0
56


O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ/SP) lançou edital de concurso público para preencher 30 vagas do cargo de contador judiciário, sendo que duas delas são reservadas para pessoas com deficiência. O posto oferece remuneração de R$ 5.688,56, além de auxílios para alimentação, saúde e transporte, por uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. As ofertas são para atuar na comarca da capital.

Para concorrer as oportunidades é necessário ter ensino superior em ciências contábeis com registro ativo e em situação regular no Conselho Regional de Contabilidade (CRC).

O contador judiciário é responsável por planejar, elaborar, controlar e acompanhar todos os procedimentos financeiros, contábeis e de auditoria nos documentos, seguindo as normas determinadas pelos seus superiores, bem como manter atualizada a legislação.
Os interessados devem se inscrever a partir do dia 2 de fevereiro até às 16h do dia 6 de março pelo site da organizadora Vunesp (www.vunesp.com.br). As inscrições só serão efetivadas após o pagamento da taxa no valor de R$ 68.

Os candidatos terão direito a redução de 50% no valor da taxa desde que, cumulativamente, sejam estudantes regularmente matriculados em uma das séries do ensino médio, curso pré-vestibular ou curso superior, em nível de graduação ou pós-graduação; e recebam remuneração mensal inferior a dois salários mínimos ou estejam desempregados. Caso se encontrem nestas condições, é necessário enviar requerimento, juntamente com os documentos comprobatórios, via sedex ou pessoalmente à Fundação Vunesp, localizada na Rua Dona Germaine Burchard, 515, CEP 05002-062, São Paulo/SP. Os pedidos só serão aceitos entre os dias 2 e 4 de fevereiro.

O processo seletivo será realizado por meio de prova objetiva com data prevista para ser realizada no dia 26 abril. No exame, os futuros servidores precisarão responder 100 questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, conhecimentos específicos (direito administrativo, direito constitucional, legislação específica, contabilidade geral, auditoria, contabilidade governamental, contabilidade tributária e administração orçamentária e financeira) e conhecimentos gerais (matemática, atualidades, noções de informática e raciocínio lógico).

Pessoas com necessidades especiais podem se inscrever no certame desde que a função a ser desempenhada seja compatível com a deficiência da qual são portadoras.

No ato da inscrição, o candidato deverá comunicar a deficiência, especificando-a na ficha de inscrição. Também será necessário encaminhar via Sedex à Fundação Vunesp (no endereço citado acima), no período de inscrições, relatório médico atestando a espécie, o grau ou nível da deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID), bem como a causa da deficiência. Esse procedimento servirá, inclusive, para assegurar eventual necessidade de adaptação da prova, que dependerá da solicitação do concursando.

Informações do JC Concursos

 

[useful_banner_manager banners=7 count=1]