Concursos Públicos Nacionais previstos para 2016 (primeiro semestre)


Quem quiser tentar um cargo na carreira pública, pode contar com as oportunidades que os concursos previstos para 2016, em âmbito nacional, oferecem

Veja alguns dos concursos autorizados e previstos para 2016:

  • Concurso Banco do Brasil 2016: esperado para este semestre

Ainda não há previsão para a publicação do edital do concurso do Banco do Brasil (BB) para o cargo de escriturário para o Rio de Janeiro, Amazonas, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. O concurso anterior expirou em setembro de 2015 e as demandas aumentam cada vez mais, assim como as necessidades de pessoal, que não têm sido supridas. Conforme os sindicalistas houve mais de 5 mil aposentadorias, 400 delas só no Rio. Por isso, a expectativa é que o concurso possa ser aberto ainda neste semestre.

Anúncios

A seleção será organizada pela Fundação Cesgranrio, por meio de provas objetivas, com 70 questões, e redação. A estrutura é a mesma dos concursos abertos no ano passado para diversos estados. As objetivas serão sobre Atualidades do Mercado Financeiro, Língua Portuguesa e Raciocínio Lógico-Matemático, Cultura Organizacional, Domínio Produtivo da Informática, Inglês, Atendimento, Técnicas de Vendas e Conhecimentos Bancários.

Quem deseja ingressar na banco precisa ter apenas o nível médio. A remuneração inicial é de R$ 3.280, mas passará para R$ 3.613,58 em agosto (valor inclui salário e auxílio-alimentação). Além disso terá direito a ascensão e desenvolvimento profissional, participação nos lucros ou resultados, vale-transporte, auxílio-creche, auxílio a filho com deficiência, plano odontológico, assistência médica e previdência privada.

  • Concurso Policia Rodoviária Federal (PRF) 2016: prioridade ao concurso de policial

Não é de agora que a Polícia Rodoviária Federal espera sua autorização de concurso. O Departamento de Polícia Rodoviária Federal reiterou junto ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão o pedido de 1.500 vagas no cargo de policial rodoviário federal. A Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais destaca que das 13.000 vagas existentes atualmente apenas 10.400 estão preenchidas. Lembra que nos últimos quatro anos 2.700 policiais ingressaram no departamento.

Vale lembrar que o cargo de policial rodoviário federal precisa ter o ensino superior completo em qualquer área, além de carteira de habilitação (B ou superior) e o como atrativo a remuneração inicial de R$7.177,91.

A previsão é que o edital do novo concurso dos Correios seja divulgado no meio deste ano. A publicação ocorreria justamente após o levantamento sobre o efetivo. O edital do concurso está suspenso temporariamente desde o ano passado. A previsão é cerca de 2 mil vagas para o nível médio, nas atividades de agente dos Correios: carteiro e operador de triagem. Só para o Rio de Janeiro, poderão ser oferecidas 144 vagas imediatas.


A remuneração inicial, incluídos os benefícios, do carteiro é de R$2.885,37 e a do operador, R$2.348,87. Valores esses para quem trabalha de segunda a sexta. Os que trabalharem de segunda a sábado ganharão R$3.017,42. Todos serão contratados pelo regime celetista. Os candidatos terão que passar por provas objetivas de Língua Portuguesa, Matemática e Conhecimentos Gerais, teste de esforço físico e exame médico admissional, para os convocados. Acompanhe novas notícias!

  • Concurso Receita Federal 2016: algumas mudanças

Em entrevista, o presidente do Sindicato Nacional dos Auditores (Sindfisco), esclarece que um dos itens da proposta remuneratória, recém-aprovada pelo governo, refere-se à volta do curso de formação no próximo concurso de auditor-fiscal, como segunda parte da seleção, com caráter eliminatório. Outra mudança, essa sim parece certa, é a volta da prova discursiva no concurso. Mudanças essas visam valorizar o cargo de auditor.

Entre os pedidos de concurso que o Ministério do Planejamento irá analisar este ano estão os feitos pelo Ministério da Fazenda para vários órgãos que compõem a sua estrutura. Além de cargos da própria pasta, a Fazenda solicitou concursos para a Receita Federal, Susep, entre outros.

São oportunidades voltadas para quem possui o ensino médio ou superior completo, com remunerações que variam de R$3.671,82 a R$16.116,64. No pedido, foram solicitadas 3.930 vagas para a área de apoio do ministério, sendo 3 mil para assistente técnico-administrativo, de nível médio, com remuneração inicial de R$3.671,82, incluindo auxílio-alimentação, de R$373. Destaque também para as 500 vagas solicitadas para analista técnico-administrativo, de nível superior, cujos iniciais são de R$ 4.884,02.

O concurso para auditor segue em transição. Segundo o sindicato, são cerca de 600 aposentadorias por ano, e os auditores têm média de idade de 51 anos. O auditor-fiscal tem ganhos iniciais de R$16.116,64 e o analista-tributário, cargo que também deverá ser contemplado nesse concurso, terá a remuneração de R$9.714,42. A quantidade de vagas ainda é incerta. O órgão já havia feito uma solicitação, com 5 mil vagas, das quais 3 mil eram de analista-tributário e 2 mil de auditor-fiscal.

  • Concurso Ministério do Trabalho (MTE) 2016: cargo para auditor do trabalho está em pauta

Esperando liberação de concursos por parte do governo federal, a seleção para auditor-fiscal do trabalho será uma das primeiras a serem autorizadas. É nesse sentido que caminham as negociações junto ao Ministério do Planejamento pois, existe uma carência desses auditores.

Destaca-se que a categoria conta hoje com o menor efetivo em 20 anos, tendo mais de 1.100 cargos vagos. No pedido feito junto ao Planejamento espera contratar 847 auditores.

O cargo tem requisito de formação superior em qualquer área e garante remuneração inicial de R$16.201,64. Nesse pedido foram solicitadas 1.177 vagas para a área de apoio, sendo 951 para agente administrativo, de nível médio, com ganhos de R$3.527,22 e 226 vagas para cargos de nível superior sendo: 64 de técnico em assuntos educacionais, 60 de administrador, 60 de assistente social, 25 de contador, seis de economista, sete de técnico em comunicação social, três de bibliotecário e uma de sociólogo, com ganhos de R$4.973,02.

Lembrando que o último concurso para auditor do trabalho aconteceu em 2013, para 100 vagas, e foi organizado pelo Cespe/UnB.

  • Concurso ABIN 2016: está a caminho

Quem busca a estabilidade no emprego, aliada a uma boa remuneração, deve se apressar na preparação para concorrer no concurso da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Os setores técnicos do Ministério do Planejamento analisam a liberação de 470 vagas em cargos dos níveis médio e superior.

A previsão é de que as oportunidades sejam distribuídas conforme a carência dos estados em todo o país, inclusive o Rio de Janeiro. A agência, que preza pela segurança nacional, espera apenas a autorização para acelerar a elaboração do edital. Para quem tem o ensino médio foram pedidas 50 vagas no cargo de agente, com remuneração de R$5.791,31; e 70 de agente técnico, cujos ganhos são de R$5.248,93. Já para graduados, estão previstas 200 vagas de oficial, com ganhos de R$14.662,34; e 150 de oficial técnico, com rendimentos de R$13.538,03. Todos os valores incluem R$373 de auxílio-alimentação.

  • Concurso IPHAN 2016: nova seleção para 430 vagas nos níveis médio e superior

O (IPHAN) já encaminhou o pedido de concurso ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). A solicitação é para a abertura de 430 vagas, sendo 91 de analista e 124 de técnico, funções de nível superior (salários de R$4.705,82 em ambos), e 215 de auxiliar institucional, cargo de nível médio (salários de R$3.276,02).

Assim que o certame for autorizado será dando início à escolha da organizadora. Vagas serão distribuídas entre as 27 superintendências (uma em cada unidade federativa), 31 escritórios e quatro unidades especiais – sendo uma em Brasília e três no Rio de Janeiro. Além disso, o Rio é sede da Administração Central podendo ficar com a boa parte das 430 vagas.

No concurso passado, realizado em 2009 pela Fundação Universa, para 187 vagas, todos os estados foram contemplados. Essas oportunidades foram distribuídas por várias carreiras, atraindo 36.776 candidatos. As provas aplicadas tiveram 50 questões divididas entre Direito Constitucional, Direito Administrativo, Noções de Informática, Língua Portuguesa e Raciocínio Lógico. O tipo de avaliação variou de acordo com a especialidade pretendida por cada participante.

  • Concurso CGU 2016: no aguardo do pedido

A Controladoria Geral da União (CGU) espera a autorização do Ministério do Planejamento para realizar concursos para 697 vagas divididas entre analista de finanças e controle, 620 vagas, e outros cargos de nível superior da área administrativa, 77 vagas. O déficit de funcionários é grande, apenas 43% do seu quadro está preenchido. O cargo de analista de finanças e controle é aberto a quem possui o ensino superior completo em qualquer área e proporciona remuneração inicial de R$15.461,70, incluindo R$458 de auxílio-alimentação. Para a área administrativa, a intenção da CGU é contratar quatro arquitetos, cinco engenheiros civis, dois engenheiros eletricistas, dois engenheiros mecânicos, 40 administradores, oito médicos (20h), dois assistentes sociais, dois psicólogos e 12 contadores. Para esses, os iniciais são de R$6.054,31 ou R$4.083,42 (médico).

Comente no Facebook

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

Comments are closed.