Dívidas de ITR podem ser parceladas pelo e-CAC, saiba como

O Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural deve ser pago anualmente pelos responsáveis por propriedades rurais

Os contribuintes que possuem dívidas relacionadas ao ITR (Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural), podem fazer o parcelamento através do Portal e-CAC. Essa opção também vale para os autos de infração e multas relativas ao imposto ou declaração. 

Segundo a Receita Federal, vários serviços estão sendo migrados para o portal e-CAC, como o parcelamento de dívidas relativas ao Imposto de Renda das Pessoas Físicas, por exemplo. 

Através da plataforma, o usuário também pode verificar sua situação fiscal e obter extratos das declarações, então, ao disponibilizar o parcelamento pelo e-CAC, a Receita Federal pretende facilitar a regulamentação dos valores devidos, então, veja a seguir como fazer esse parcelamento. 

O que é ITR?

O Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural é regulamentado pela Lei nº 9.393, de 19 de dezembro de 1996. Se trata de um imposto federal que precisa ser pago anualmente pelos responsáveis por propriedades rurais, seja o proprietário da terra, titular do domínio útil ou pelo possuidor a qualquer título.

O valor devido varia de acordo com o tamanho da propriedade, além do seu grau de utilização. Através das informações prestadas na declaração anual, a Receita Federal acompanha o desenvolvimento da propriedade, dessa forma, quem não declara ou não paga o ITR pode ficar impedido de conseguir empréstimos, financiamentos e também não consegue vender o terreno rural. 

Como vai funcionar o novo parcelamento?

Com essa nova opção de parcelamento, o antigo sistema não será mais utilizado. Desta forma, o contribuinte não precisa mais abrir um processo para cadastrar os débitos antes de parcelar, o que reduz etapas e facilita o parcelamento. 

Assim, quem precisa fazer  parcelamento deve acessar o e-CAC através da conta gov.br ou código de acesso. Depois, basta selecionar a seção “Pagamentos e Parcelamentos” e clicar em “Parcelamento – Solicitar e acompanhar”. Assim, poderão ser parcelados os tributos e multas que possuem os seguintes códigos de receita:

1070 – ITR – Exercício 1997 e Subsequentes
2050 – ITR – Taxa de Cadastro Contribuições Área Rural
2266 – Multa ITR – Taxa de Cadastro Contribuições Área Rural
2770 – Juros ITR – Taxa de Cadastro Contribuições Área Rural
5489 – Multa ITR União
5491 – Juros ITR União
6710 – Multa de Ofício – ITR
6795 – Juros Lançamento de Ofício – ITR
7036 – Juros ITR – (art. 43 L.9430)
7049 – Multa Isolada – ITR (art. 43 L.9430)
7051 – ITR- Lançamento de Ofício

Quando acontece a isenção?

Ainda segundo a Lei nº 9.393, estão isentos desse imposto, os seguintes casos: 

  • o imóvel rural compreendido em programa oficial de reforma agrária, caracterizado pelas autoridades competentes como assentamento, que, cumulativamente, atenda aos seguintes requisitos:

a) seja explorado por associação ou cooperativa de produção;

b) a fração ideal por família assentada não ultrapasse os limites estabelecidos no artigo anterior;

c) o assentado não possua outro imóvel.

  • o conjunto de imóveis rurais de um mesmo proprietário, cuja área total observe os limites fixados no parágrafo único do artigo anterior, desde que, cumulativamente, o proprietário:

a) o explore só ou com sua família, admitida ajuda eventual de terceiros;

b) não possua imóvel urbano.

Vale ressaltar que os imóveis rurais oficialmente reconhecidos como áreas ocupadas por remanescentes de comunidades de quilombos, que estejam sob a ocupação direta e sejam explorados, individual ou coletivamente, pelos membros destas comunidadestambém são isentos do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural – ITR.  

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Comentários estão fechados.